O jornalista Rodrigo Bocardi é um dos grandes nomes da televisão no Brasil. [VIDEO] Ele ficou marcado por sua postura séria em telejornais e também por ser um grande profissional. No entanto, um vídeo íntimo mudou para sempre a carreira do jornalista e, certamente, atrapalhou alguns de seus planos. O vídeo íntimo, que supostamente mostraria o jornalista [VIDEO], virou febre nas redes sociais. Compartilhar esse tipo de conteúdo é crime. Apesar disso, sempre quando o conteúdo envolve Famosos, fica praticamente impossível impedir que a veiculação desse tipo de material não vire um sucesso.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Famosos

Rodrigo Bocardi abandona redes sociais após episódio de suposto vídeo íntimo

A primeira medida do jornalista foi abandonar as redes sociais. Ele tem se mantido duro quanto aos seguidores.

Os mesmos que, de certa forma, o difamaram. Seu último post foi exatamente no mesmo dia que o assunto começou a ferver nas redes, em 17 de fevereiro, e se tornar um dos mais comentados dos chamados trending topics do Twitter por quase 18 horas. Rodrigo deve permanecer assim por mais tempo, afinal, essa é uma maneira da imagem dele descansar e não ser envolvida em uma nova polêmica.

Vídeo íntimo tiraria Rodrigo Bocardi da linha de sucessão de William Bonner?

Um dos maiores questionamentos a respeito do assunto é se o vídeo de sexo atribuído ao jornalista poderia atrapalhar ou não os seus planos para chegar à bancada do 'Jornal Nacional'. No primeiro momento, William Bonner não mostra qualquer inclinação de deixar o principal telejornal do País tão cedo. Ele está na bancada do noticioso desde a década de 1990.

A segunda maneira de responder à pergunta do tão sonhado cargo do 'Jornal Nacional' é que "sim", qualquer rusga do passado pode prejudicar a carreira de um jornalista. Mesmo até que seja comprovado que o vídeo se tratava de uma montagem, ou que não era Rodrigo Bocardi nas imagens picantes, o conteúdo poderia voltar à tona, por exemplo, quando ele viesse a assumir a bancada do jornalismo. O vídeo em questão, por exemplo, viralizou justamente quando Rodrigo estava cobrindo uma folga de William Bonner, em um sábado.

De acordo com o UOL, resvalando com as consequências que o conteúdo ainda pode gerar, o jornalista já acionou o seu setor jurídico e tenta achar os responsáveis pelas imagens.

Dias após a surgimento polêmico, foi informado que um assessor de imprensa ligado à TV seria o responsável pela publicação, mas ele nega.