Depois de ser pressionada, a cantora Anitta resolveu falar sobre o caso Marielle Franco - vereadora fluminense morta na última quarta-feira (14), quando voltava de um evento -, mas o discurso da cantora não agradou os seus próprios seguidores e ela substituiu o textão que havia escrito por um emoji de um coração partido.

Textão de Anitta não agradou a turma do lacre

O texto que Anitta postou em sua conta oficial no Instagram [VIDEO], onde é seguida por mais de 27 milhões de internautas, não agradou a turma que adora lacração em postagens nas redes sociais.

Anitta começou o texto explicando que iria fazer um post sobre o caso, mas não agora, e sim depois de três meses, que era quando faria mais sentido para ela.

A cantora resolveu antecipar por conta das criticas que vem recebendo.

A cantora afirma na postagem que espera que Marielle esteja presente para sempre. O começo do texto foi bom e deve ter agradado aos internautas, mas logo depois Anitta começou a falar outras coisas.

Ela citou que não se pode ser esquecer o caso da juíza Patrícia Acioli, assassinada quando investigava crimes de milícias. Citou ainda o garoto João Hélio, morto durante um assalto no Rio de Janeiro, há alguns anos.

Anitta perguntou também se sentimos a dor da perda de cada policial que morre em serviço. E ela mesma respondeu dizendo que espera que sim. Anitta afirmou ainda que não se importa se Marielle era de direita, de esquerda, de frente, de costas, lésbica ou mãe precoce.

A cantora declarou que ninguém merece morrer.

Afirmou ainda que nada justifique que se tire a vida de qualquer pessoa, independente de quem seja. Anitta falou também que o motorista Anderson Gomes era tão importante quanto Marielle. A ícone do pop brasileiro [VIDEO] afirmou que se Marielle não fosse feminista, como ela, também lamentaria a morte.

Críticas à cantora

Anitta foi bastante criticada pelos próprios seguidores. No Twitter, diversos comentários sobre o textão da cantora foram postados e a grande maioria era de críticas ao conteúdo de sua postagem.

“O texto da Anitta parece de um adolescente com 16 anos cursando o ensino médio”, comentou um internauta. “Anitta só se posiciona politicamente quando infere sobre a individualidade e carreira dela. Projeto de criminalização do Funk gerou tweet e música só porque iria inferir sobre ela também. Fora isso, a bonita caga e anda para qualquer coisa que não encha o bolso dela”, criticou outro internauta.

Abaixo, seguem tuítes com críticas à Anitta.