Quando o assunto é fofocas dos famosos, o nome de #Fabíola Reipert logo nos vem à mente, isso não é para menos, afinal, ela já conseguiu reconhecimento nacional após ser uma das mais procuradas para noticiar acontecimentos polêmicos do mundo das celebridades. Porém, nem sempre ela se dá bem com suas fofocas, como no recente caso ocorrido nesta semana.

Fabíola Reipert é condenada a pagar indenização a Larissa Manoela após insinuar que atriz estaria grávida

Considerada a ‘língua afiada’ da televisão brasileira, Fabíola acabou sendo condenada após sofrer um processo movido da parte da atriz e cantora, #Larissa Manoela. O processo ocorreu no ano de 2016, porém, somente nesta semana o resultado saiu, sendo favorável para a atriz.

Fabíola tinha dito publicamente que Larissa estaria grávida, fato que não foi comprovado e que acabou deixando a atriz do SBT bastante revoltada. A decisão judicial, publicada oficialmente nesta quinta-feira (1), mostra o resultado favorável a atriz, concedida pela juíza Tônia Yuka Kôroki, da 13ª Vara Cível de São Paulo. O resultado da condenação terminou em uma indenização no valor de R$ 30 mil. Vale ressaltar que na época, Larissa tinha pedido uma indenização no valor de R$ 200 mil, porém, teve o valor negado, pois a juíza considerou muito alto para o ato praticado [VIDEO].

Por ainda ser menor de idade, a atriz precisou ser representada pelos pais, que trataram de alegar que a jovem era uma figura pública e que as afirmações da apresentadora resultaram em uma grande ofensa. Os pais de Larissa ainda disseram em juízo que Fabíola sempre divulgou notícias falsas, principalmente quando o nome de Larissa estava envolvido.

Após todo o processo, a Justiça acabou sendo favorável a atriz, uma vez que se foi entendido que, de fato, Larissa Manoela acabou sendo lesada de modo moral, ainda mais porque na época das afirmações, Larissa tinha apenas 14 anos, o que acabou sendo uma verdadeira polêmica [VIDEO].

Ministério Público decreta que atriz foi humilhada por Fabíola Reipert

O MP analisou o caso e se posicionou em favor de Larissa Manoela. Foi alegado que a atriz do SBT, de fato, acabou sendo humilhada e passou por uma situação de vexame. Diante disso, tendo ou não provas, o dano moral é eminente.

Por Fabíola ser uma apresentadora de boa condição financeira, a Justiça decretou que a mesma deverá pagar a quantia de R$ 30 mil a Larissa Manoela. Ainda após a condenação, Fabiola não recebeu nenhuma restrição sobre anunciar qualquer notícia sobre a vida pessoal de Larissa. Tanto no perfil da atriz como no da apresentadora, não havia nada falando a respeito da decisão judicial.