O criador de The Walking Dead [VIDEO], Robert Kirkman, falou sobre um assunto envolvendo a série, o qual até hoje é rodeado de mistérios e dúvidas. O seriado já está na oitava temporada, já se passaram oito anos de exibição e até hoje não se sabe a origem da contaminação que deu vida ao apocalipse zumbi no mundo de Rick Grimes.

Tudo bem que algumas vezes a expectativa saber do início da contaminação existiu logo na primeira temporada quando encontram o Dr.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Seriados

Jenner e o CCD. Um cientista poderia trazer revelações sobre a contaminação, mas não foi bem isso que ocorreu. Outra vez também os fã foram iludidos por Eugene, que prometia a cura para o vírus.

Até hoje não é do conhecimento do público de The Walking Dead [VIDEO] como tudo se iniciou na série. O fato é que se está na oitava temporada e os personagens não têm uma explicação concreta que esclareça o porquê o mundo que Rick vive está cheio de zumbis.

Numa espécie de "tire sua dúvida", o criador dos quadrinhos que originou a série, Robert Kirkman, falou sobre até que pontos os fãs e os personagens saberão o que causou o início do apocalipse zumbi.

"Talvez anos após tudo chegar ao fim, eu vou eventualmente falar (sobre o início da contaminação) em alguma entrevista. Isso parece uma coisa da criadora de Harry Potter de se fazer", disse Kirkman com um tom de brincadeira. "Não tem importância para a história nem para a vida dos personagens. Ficaria muito nada a ver com a história", completou.

Ainda disse mais: "Sinceramente, se algum cientista de Washington contasse aos personagens o que de fato tem acontecido, eles ficariam tipo 'Ah... tudo bem' não iria mudar nada em suas vidas... e... eu já disse demais."

A essa altura do campeonato realmente seria um tanto quanto irrelevante revelar a origem do vírus, principalmente quando todos estão adaptados a esse novo mundo e ao novo jeito de viver. Também agora onde o que mais está sendo explorado na série são as relações humanas, e não a interação dos sobreviventes com os zumbis.

Talvez, se a origem do vírus fosse explorada nas primeiras temporadas, seria algo que podia realmente contribuir para o desenvolvimento dos personagens. Agora, o que os fãs devem fazer é, talvez, nunca esperarem uma explicação sobre a contaminação.

Apenas deixar a imaginação fluir e, daqui a alguns anos, esperar ansiosamente a tal entrevista do Robert Kirkman e finalmente assistir, aguardando a resposta disso tudo.

The Walking Dead atualmente está em sua segunda parte da oitava temporada, que está sendo exibida todos os domingos no canal Fox, às 22h30.