A série The Walking Dead [VIDEO] é amada por muitos pela temática evidentemente nerd, baseada em um apocalipse zumbi, mas também é odiada por muitos outros pela progressão confusa, a introdução de personagens em excesso e narrativa por vezes cansativa. Para a afinidade ou desgosto do público, mais um personagem foi adicionado à trama. Atenção: Esse texto contém spoilers.

Fazia muito tempo que a série em questão não apresentava um episódio tão denso. A série deixou de ser um sucesso explosivo pela história arrastada, mas aparentemente isso se reverteu neste domingo (18 de março), durante o episódio intitulado “The Key”. Além da inserção de um novo personagem, chamado Georgie [VIDEO], houve uma briga intensa entre o mocinho Rick e o malvado Negan; e uma perseguição alucinante ao melhor estilo Velozes & Furiosos.

Nessa perseguição, o xerife usava sua clássica Ford Explorer, contra o envenenado Dodge Charger de Negan. Ambos estavam a caminho de Hilltop. Lá, Negan pretendia ferir os moradores da pequena colônia com armas sujas de sangue contaminado. Isso, obviamente, acabou em acidente, mas a perseguição continuou sem carros mesmo. O xerife teve a capacidade de errar todos os tiros de sua metralhadora, de sua pistola e não conseguiu acertar o vilão nem com seu machado. Quanta incompetência, não é mesmo?

Acontece que, depois da perseguição, dentro de um prédio, os dois trocaram muitas palavras ásperas. Rick ateou fogo em Lucille (aquele bastão cheio de arame farpado), e a luta continuou na base da porrada mesmo. Eles tiveram que se defender de vários zumbis que estavam por ali e, no fim das contas, ninguém se feriu muito.

Tudo isso para que Negan fosse raptado por Jadis e mantido como refém até o próximo episódio.

Mas e afinal, quem é Georgie?

Ela é uma nova personagem, cuja atriz Jayne Atkinson apareceu até em House of Cards. O papel dela até o momento é de uma mulher intelectual e gente boa. Aparentemente esse mesmo personagem aparece nos quadrinhos (nos quais a série se inspira) e tem sido bastante fiel ao que foi visto até agora na televisão. Sua função seria a de restauradora da ordem, usando o conhecimento adquirido ao longo do tempo para munir a nova sociedade emergente. Assim seria possível criar uma nova civilização em meio ao caos apocalíptico. Parece que com estes personagens a trama segue para um final, que não deve estar muito distante. Só espera-se que os produtores não tentem levar o seriado à exaustão, sugando cada gota de enredo que puderem, deixando-o como um marco na história das séries ruins. #séries de TV #The Walking Dead