Nara Almeida, modelo de 24 anos de idade, morreu nessa segunda-feira (21) depois de lutar contra um câncer no estômago. Ela contou em um vídeo em seu canal no YouTube [VIDEO] que, antes de saber da doença, descobriu primeiro uma úlcera e, com a melhora, resolveu parar o tratamento [VIDEO] para viajar.

Porém, logo em seguida, começou a sentir fortes dores no estômago e náuseas. Quando descobriu o câncer, já estava em estágio avançado. A jovem, natural do Maranhão e que morava em São Paulo, lutava contra a doença desde agosto de 2017 e há três meses estava internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital 9 de Julho, em São Paulo, onde se tratava.

Ela tinha um canal no YouTube que se chamava Diário da Nara. Postava pouco e tinha 198 mil inscritos. Em um vídeo, que foi publicado nessa segunda-feira por outro site, a modelo conta como foram os seus últimos dias em vida e os efeitos colaterais do tratamento contra o câncer.

Familiares de Nara Almeida autorizaram a doação de córnea da modelo

O último desejo da modelo Nara Almeida será atendido pelos familiares. A jovem queria que suas córneas fossem doadas. Pedro Rocha, namorado dela, foi quem revelou isso ao portal de notícias G1.

O rapaz contou em uma das suas redes sociais que Nara continuará existindo dentro dele e que está sentindo um vazio enorme. Rocha ainda diz que Nara transmitirá a sua força para muitas pessoas ainda.

Artistas lamentaram a morte de Nara em suas redes sociais

A morte da youtuber Nara Almeida entristeceu Famosos de diversas áreas que acompanharam a luta dela contra o câncer.

Nessa segunda-feira (21), pouco após Pedro Rocha, namorado de Nara, confirmar a morte dela, atores e cantores usaram as redes sociais para lamentar e enaltecer a luta da jovem maranhense.

A comediante e apresentadora Tatá Werneck, o humorista Tirulipa, a atriz Larissa Manoela e a socialite Antônia Fontenelle, entre outros famosos, demonstraram a tristeza deles e escreveram textos sobre a morte da modelo.

Sintomas do câncer no estômago

O câncer acontece quando alguma célula sofre mutação e começa a se multiplicar de maneira errada, dando origem a um tumor, que nada mais é do que uma multiplicação desordenada de células anormais. O câncer de estômago [VIDEO] é mais comum a partir dos 50 anos de idade, mas existem casos de jovens que desenvolveram esse mal, como foi o caso de Nara, que não tinha nem completado 25 anos de idade.

Azia constante, diarreia ou prisão de ventre, náuseas e vômitos, fraqueza e cansaço, emagrecimento sem causa aparente, perda de apetite, vômito com sangue ou sangue nas fezes e dor na barriga frequente são alguns dos sintomas de câncer estomacal.