Não é à toa que a ansiedade é tida como "o mal do século". Só no Brasil estimativas mostram que cerca de 18 milhões de pessoas são acometidas pela doença que não escolhe sexo, idade, classe social e nem religião. Angélica, Lucas Lucco e Padre Fabio de Melo são figuras públicas que lutam contra esse transtorno assim como milhares de pessoas diariamente. Às vezes um sorriso no rosto, um trabalho bem feito não demonstram o estado de saúde de quem sofre desse mal. As celebridades estão, na maioria das vezes, felizes, mas nem sempre é o que realmente acontece nos bastidores e em suas vidas reais.

Angélica e o trauma pós acidente aéreo

Angélica, em 2015, sofreu um acidente junto do marido Luciano Huck, os três filhos e a babá das crianças.

A família se acidentou na queda de um avião em Mato Grosso do Sul e desde então a apresentadora passou a sofrer com a síndrome do pânico e com palpitações horrorosas, segundo a própria. Em 2017, dois anos após o acidente, a loira descobriu uma forma alternativa de amenizar os efeitos da doença, em entrevista ao programa 'Bem Estar' da Rede Globo [VIDEO], Angélica contou que faz meditação transcendental e que sua vida se transformou.

"Você pode ser rico ou pobre que essa doença não escolhe”, contou Lucas Lucco

Lucas Lucco veio a público falar sobre a doença que o acomete. Além da síndrome do pânico, o cantor sofre de ansiedade e relatou no programa 'Encontro' de Fátima Bernardes que por diversas vezes já faltou a compromissos profissionais porque não se sentia seguro para sair de casa e que sentia um medo sem explicação.

O sertanejo contou que é como se fosse uma ferida que ninguém podia ver, mas que ele sentia, Lucas frisou que não importa como a pessoa seja financeiramente, essa doença não escolhe classe social. Hoje em dia, o cantor faz tratamento com profissionais, contando sempre com a ajuda médica.

Padre Fábio de Melo chegou a duvidar de sua fé

Fábio, conhecido por sua tamanha fé e por suas palavras que aconselham e acalmam, também contou o seu relato com a síndrome do pânico. O padre, em entrevista ao 'Fantástico', da Rede Globo, disse que pela segunda vez foi "pego" pela doença e que dessa vez foi mais difícil de lidar. Fabio contou que chegou a se esconder debaixo da cama tamanho o medo que sentia, inclusive das pessoas. Em um momento de crise o religioso revelou que chegou até mesmo duvidar de sua fé. Porém, hoje em dia, o padre voltou a se apegar a Deus e tem conseguido, com ajuda, controlar os sintomas voltando as suas atividades de rotina.

Cleo Pires: crise de ansiedade que resultou na síndrome do pânico

Em 2016, Cleo Pires teve uma crise severa de ansiedade que desencadeou na síndrome do pânico.

A atriz, que estava no aeroporto prestes a voltar para o Brasil a fim de gravar a novela 'Haja Coração', teve que ser medicada e foi orientada pelo médico a não "voar" aquele dia. A assessoria de Cleo contou que a moça nunca teve problemas com voos e que os exames feitos no dia não acusaram nada.

Além dos famosos citados acima, muitos outros sofrem ou sofreram desse mal, como é o caso de Bianca Bin, Thammy, Paula Fernandes, entre outros.