O clima ficou pesado no último aniversário da cantora Marília Mendonça [VIDEO] que aconteceu em Goiânia. Na última terça-feira (24), por volta das 6h da manhã, um jovem que trabalhava na festa cuidando dos aquecedores acusou o cantor Henrique, que forma dupla com Juliano, de tê-lo agredido por achar que ele estaria filmando o evento com seu celular. Thiago Junior Martins da Silva, de 26 anos, afirma que Henrique o teria enforcado e agredido com socos no rosto. O rapaz se dizia fã do cantor, e ficou apavorado com a agressão. O técnico em refrigeração revelou que chegou a urinar na roupa, devido o medo que sentiu na ocasião.

Como tudo começou

Segundo os relatos de Thiago, em dado momento da festa, ele teria levado a mão ao bolso para pegar seu celular e ver as horas, porém foi abordado por um dos convidados da festa que questionou se ele estia filmando a festa de Marília Mendonça.

A vítima contou que negou a pergunta do rapaz. Em seguida, o convidado voltou com outro homem que fez a mesma pergunta.

Thiago contou que, com o celular ainda nas mãos, tentou abrir as fotos para provar que não estava registrando o evento mas foi surpreendido pela agressão antes mesmo de poder resolver o mal entendido. Na sequência, a vítima disse que apareceu o cantor Henrique, que, ao invés de tentar apartar a situação, também participou das agressões lhe enforcando e lhe desferindo socos no rosto, além de passar a mão no sangue que escorria de sua boca e lhe mostrar após um xingamento.

A vítima revelou também que, além dos homens que iniciaram a agressão com a participação do cantor, mais quatro pessoas apareceram para agredi-lo. Um outro convidado que participava no aniversário da cantora foi quem separou a briga.

Thiago revelou que nesse momento seu celular estava na mão de um dos agressores que o entregou e mandou que ele corresse.

Thiago teve que sair fugido da festa e se esconder

A vítima contou que após ouvir que era para sair correndo, escondeu-se em uma mata próxima ao sítio, ligou para a esposa e em seguida foi até seu carro para tentar deixar de vez o local, porém o veículo não funcionou e o rapaz teve que passar novamente pela mata e pular um muro para deixar o evento.

Thiago disse que foi imediatamente até a delegacia e denunciou as agressões sofridas naquela manhã. O carro de Thiago foi encontrado no local com os vidros quebrados e com outras avarias, porém ainda não teria sido periciado. Na delegacia o jovem falou sobre o medo sofrido e que não esperava tal atitude do cantor.

Dias após o episódio, a vítima revelou que mal consegue dormir e que estaria passando esse período traumático na casa da sogra por temer retornar para a sua rotina.

As investigações

A polícia civil segue investigando o caso.

Thiago fez os devidos exames e foi apontado sinais de lesão na boca e também no nariz, mas ainda não ficou comprovado que tais ferimentos aconteceram na festa da cantora. O delegado afirmou que os supostos agressores serão investigados um a um, e, se comprovada a agressão, individualmente, responderiam por lesão corporal.

A Defesa de Thiago informou que irá processar tanto o sertanejo quanto Marília Mendonça [VIDEO]. A assessoria do cantor disse não ter conseguido contato com Henrique que estaria em um estúdio gravando. Enquanto isso, a de Marília informou que a cantora só irá se pronunciar após o caso estiver com todos os devidos esclarecimentos feitos.

Essa é a primeira vez que é apresentado na mídia um caso como esse envolvendo o nome do cantor sertanejo, que com Marília Mendonça são conhecidos pela parceria musical e pelo sucesso estrondoso que fazem no Brasil. A dupla assim como a cantora são queridos pelo grande público e o episódio da agressão vem dividindo opiniões entre os fãs dos sertanejos.