Uma das produções da Rede Globo mais aclamadas [VIDEO] dos últimos tempos, a super série “Onde Nascem os Fortes”, chegará ao fim nesta segunda-feira (16), com seu episódio final sendo prometendo fortes emoções, com tiroteios e revelação de assassinatos.

O capítulo começará com a revelação do assassino de Nonato (interpretado por Marco Pigossi), fato que deu início a toda a trama, escrita pela dupla George Moura e Sergio Goldemberg. Tal revelação feita por Ramirinho (Jesuíta Barbosa) fará Cássia (Patrícia Pillar), passar mal. A cena em que Ramirinho procura Cássia foi exibida no penúltimo capítulo.

Esse não será o único momento de pânico que uma das protagonistas da série viverá no capítulo final.

O hotel onde ela se encontrará com Pedro (Alexandre Nero), será alvo de uma rajada de tiros de espingarda disparados por Ramiro (Fábio Assunção). O vilão armou uma cilada para que Pedro, seu inimigo mortal, fosse acusado pela morte de Nonato, mas o empresário conseguiu provar que era inocente.

O próprio ator explica que seu personagem foi inocentado ao ser comprovado que o tiro que matou o filho de Cássia não partiu das suas armas ou dos seguranças que trabalharam para ele. “A certeza dele é que Ramiro está envolvido no crime”, disse.

Quem também falou sobre o final da trama foi o autor George Moura, que assegurou que o telespectador pode esperar “muita emoção, loucura e vingança”, no entanto, o desfecho da história também terá afeto, perdão e muito amor. “O bem há de triunfar”, adianta.

O capítulo final ainda terá o encontro definitivo de Pedro e Maria (Alice Wegmann) e Plínio (de Enrique Díaz) sendo assombrado na cadeia pelas vítimas que matou.

Flutuação de horários prejudica audiência

“Onde Nascem os Fortes” teve vários pontos positivos e elogiados pela crítica especializada, como o elenco forte, a bela fotografia e as histórias do sertão. Por outro lado, o ponto baixo foi a oscilação de horário de sua exibição, muito em função dos jogos da Copa do Mundo [VIDEO], que fizeram a série, que estreou em 23 de abril, oscilar entre bons e pífios números de audiência.

Na segunda semana de exibição, a trama chegou a bater os 40 pontos na grande São Paulo, porém em outras ocasiões chegou a apresentar números pífios, para os padrões da emissora, alcançando apenas 11,7 pontos e sendo até mesmo ameaçada pelo Programa do Ratinho. No geral, a trama até o último dia 6 teve média de 18 pontos de audiência.

O horário de exibição dependia do dia da semana e também dos jogos da Copa. Ela chegou a começar após a novela das nove em alguns dias, sendo que em outros era exibida na faixa das 23h30.