Uma das produções da Rede Globo mais aclamadas dos últimos tempos, a super série “Onde Nascem os Fortes”, chegará ao fim nesta segunda-feira (16), com seu episódio final sendo prometendo fortes emoções, com tiroteios e revelação de assassinatos.

O capítulo começará com a revelação do assassino de Nonato (interpretado por Marco Pigossi), fato que deu início a toda a trama, escrita pela dupla George Moura e Sergio Goldemberg. Tal revelação feita por Ramirinho (Jesuíta Barbosa) fará Cássia (Patrícia Pillar), passar mal.

Publicidade
Publicidade

A cena em que Ramirinho procura Cássia foi exibida no penúltimo capítulo.

Esse não será o único momento de pânico que uma das protagonistas da série viverá no capítulo final. O hotel onde ela se encontrará com Pedro (Alexandre Nero), será alvo de uma rajada de tiros de espingarda disparados por Ramiro (Fábio Assunção). O vilão armou uma cilada para que Pedro, seu inimigo mortal, fosse acusado pela morte de Nonato, mas o empresário conseguiu provar que era inocente.

Publicidade

O próprio ator explica que seu personagem foi inocentado ao ser comprovado que o tiro que matou o filho de Cássia não partiu das suas armas ou dos seguranças que trabalharam para ele. “A certeza dele é que Ramiro está envolvido no crime”, disse.

Quem também falou sobre o final da trama foi o autor George Moura, que assegurou que o telespectador pode esperar “muita emoção, loucura e vingança”, no entanto, o desfecho da história também terá afeto, perdão e muito amor.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Televisão

“O bem há de triunfar”, adianta.

O capítulo final ainda terá o encontro definitivo de Pedro e Maria (Alice Wegmann) e Plínio (de Enrique Díaz) sendo assombrado na cadeia pelas vítimas que matou.

Flutuação de horários prejudica audiência

“Onde Nascem os Fortes” teve vários pontos positivos e elogiados pela crítica especializada, como o elenco forte, a bela fotografia e as histórias do sertão. Por outro lado, o ponto baixo foi a oscilação de horário de sua exibição, muito em função dos jogos da Copa do Mundo, que fizeram a série, que estreou em 23 de abril, oscilar entre bons e pífios números de audiência.

Na segunda semana de exibição, a trama chegou a bater os 40 pontos na grande São Paulo, porém em outras ocasiões chegou a apresentar números pífios, para os padrões da emissora, alcançando apenas 11,7 pontos e sendo até mesmo ameaçada pelo Programa do Ratinho. No geral, a trama até o último dia 6 teve média de 18 pontos de audiência.

O horário de exibição dependia do dia da semana e também dos jogos da Copa. Ela chegou a começar após a novela das nove em alguns dias, sendo que em outros era exibida na faixa das 23h30.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo