O Masterchef Brasil para cozinheiros amadores chegou ao fim na noite desta terça-feira (31), com a vitória surpreendente de Maria Antônia, e o anúncio emocionante e bastante comemorado de que o chef Erick Jacquin será pai de gêmeos.

Segurando uma caixa de presente, Jacquin desembrulhou o objeto [VIDEO] e fez a revelação que pegou a todos de surpresa. Ele é casado com a brasileira Rosângela Menezes, que estava na plateia. O anúncio gerou muita comoção.

Paola Carosella demonstrou muita alegria com a notícia. A chef abraçou o amigo [VIDEO] e correu para abraçar Rosângela. Henrique Fogaça e Ana Paula Padrão também se emocionaram com a notícia.

Jacquin não conseguia conter a alegria.

Paola ficou tão entusiasmada que só depois de ter abraçado Rosângela e corrido de um lado para o outro do estúdio é que ouviu que serão duas crianças. Nesse momento, ela mesclou um semblante de surpresa, susto e alegria.

A plateia foi ao delírio e os finalistas, Hugo e Maria, também curtiram a notícia. O chef francês roubou a cena e virou um dos assuntos mais comentados no Twitter. Ele e Rosângela estão juntos desde 2004, mas o casamento oficial aconteceu em 2015, no Jockey Club de São Paulo.

O francês e a brasileira se conheceram na festa de um amigo em comum, iniciaram um relacionamento e, poucos meses depois, decidiram morar juntos. Os gêmeos serão os primeiros filhos do casal.

Jacquin, porém, é pai de um menino chamado Edouard, fruto do primeiro casamento do chef radicado no Brasil.

O garoto mora na França, com a mãe, mas mantém contato frequente com seu pai.

Erick Jacquin

O chef de cozinha francês nasceu na cidade de Dun-sur-Auron, em 1964. Em 2010, essa cidade tinha apenas 4.440 habitantes. Foi lá que Jacquin cursou a École Hôtelière Saint Amand Monrond e decidiu se mudar para Paris. A cidade luz é a capital dos grandes restaurantes da França e praticamente a capital da culinária mundial.

Em 1995, Jacquin conseguiu aquilo que todo chef almeja: receber uma estrela no guia Michelin. O chef chegou ao Brasil depois de receber uma proposta que muitos afirmam ter sido irrecusável.

Jacquin aceitou comandar a cozinha do restaurante Le Coq Hardy e daqui não saiu mais. Em 1998, o francês foi o primeiro chef com atuaão na América do sul a ser nomeado "Maitre Cuisinier de France", espécia de Oscar da culinária francesa.

Atualmente, ele está no La Brasserie, em Higienópolis. Até setembro do ano passado, Jacquin batia o seu ponto no Café Antique.