Nesta quinta-feira (20), a apresentadora do programa Encontro, da Rede Globo, mostrou-se insatisfeita com uma notícia falsa atribuída a ela. Ela foi alvo de acusações na internet e decidiu se pronunciar sobre o caso, já que estava sendo mal vista por muitas pessoas que apoiam o candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro. Através de seu Instagram, ela postou um vídeo explicando que jamais reformou a casa do esfaqueador de Jair Bolsonaro, Adélio Bispo, conforme tem sido divulgado nas redes sociais.

Publicidade

A notícia falsa que circulou na internet, é de que a apresentadora e namorada de Túlio Gadelha, teria reformado a casa do agressor de Jair Bolsonaro preparando o ambiente para uma possível matéria sobre ele. A repercussão nas redes sociais ocorreram de todo o sentido. Uns tiraram sarro disso, outros apoiaram e outros acharam um absurdo esse tipo de atitude da Rede Globo.

Fátima Bernardes se manifestou e disse que tudo isso não passa de mais uma notícia falsa envolvendo o período eleitoral. Ela achou necessário gravar um vídeo para explicar sobre essa "fake news".

"Eu não reformei a casa do esfaqueador do candidato à Presidência da República pelo PSL", disse ela.

A apresentadora da Globo enalteceu que em toda a sua vida sempre respeitou a vida humana, independente do tipo de cor, credo, gênero ou ideologia. Ela enfatizou que em nenhum momento apoiaria um ato de violência como esse ocorrido com Bolsonaro e lamentou a divulgação de uma notícia falsa que, de acordo com ela, não contribui em nada com o momento em que todos estão vivendo.

Saúde do candidato

Jair Bolsonaro ainda se recupera da facada sofrida durante uma campanha em Juiz de Fora, sul de Minas.

Publicidade

Nesta quinta (20), ele foi submetido a uma drenagem após um exame de tomografia indicar líquido ao lado do intestino. O procedimento foi realizado com sucesso.

Segundo informou o boletim médico do Hospital Albert Einstein, o político passou por uma drenagem guiada por imagem, sem intercorrências.

Vídeo postado no Twitter

Ele postou um vídeo no Twitter caminhando nos corredores do hospital e mostrando confiança de que logo vai sair dessa. O candidato dá uma palavra de otimismo para seus eleitores afirmando: "Me aguardem, hein. Primeiro turno, hein, pessoal".

Ele citou que tentaram tirá-lo da disputa, mas o esforço de cada um vai valer a pena.

Bolsonaro frisou que é possível vencer sem mentiras e sem vender alma, e deu um recado: "Chega de facções comandando o Brasil".