O ator Alexandre Frota foi condenado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal a pagar uma multa no valor de R$ 5 mil por ter propagado uma notícia falsa na internet. Segundo reportagem publicada no jornal O Estado de S. Paulo na tarde desta sexta-feira (21), o ator foi responsável por postar uma publicação no Facebook na qual o deputado federal Chico Leite (Rede-DF) pedia a prisão do juiz Sérgio Moro.

Na postagem, Chico Leite dizia: “eu quero a prisão do juiz Sérgio Moro em 24 horas”, enquanto que nos comentários Frota criticava o político dizendo: “querer não é poder e fica querendo, canalha”.

Publicidade
Publicidade

Divulgada na rede social no último dia 15 de julho, a postagem de Alexandre Frota trazia uma arte com a imagem de Chico Leite com as falas que pediam prisão de Sérgio Moro, logo abaixo, Frota dizia para os internautas não votarem em Chico Leite, que nesta eleição concorrerá a uma vaga no Senado.

Juízes deram o veredicto de notícia falsa e ofensiva

Em julho, Alexandre Frota, que também concorre nesta eleição a uma vaga no Congresso Nacional pelo PSL, já havia sido intimado pelo desembargador Carlos Divino Vieira Rodrigues, do Tribunal Regional Eleitoral do DF, a apagar a postagem que foi configurada como notícia falsa.

Publicidade

O juiz considerou que o ex-ator global estava fazendo “propagação de notícia falsa”.

No julgamento do processo, o desembargador Héctor Valverde sustentou que a publicação trouxe grande prejuízo à imagem de Chico Leite e que ‘infringe o direito de igualdade, que deve nortear a disputa eleitoral’.

Os desembargadores também analisaram as postagens antigas de Chico Leite e informaram que o deputado já havia se posicionado em ocasiões anteriores de modo favorável a Moro e à Operação Lava Jato.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Eleições

Postagem de Frota foi apagada imediatamente após intimação

Após a intimação, a postagem de Alexandre Frota foi apagada de imediato na internet. A alegação da defesa do ator foi a de que o post apenas foi compartilhado e que Frota nem ao menos conhece o deputado Chico Leite. Segundo reportagem do portal G1, Frota estava com problemas na sua linha telefônica no dia da publicação devido a uma viagem que estava fazendo e por esse motivo não apurou a veracidade da informação, a partir daí apenas compartilhou a informação, no entanto, apesar da informação falsa, apagou a mesma de imediato após a intervenção judicial.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo