O ator Juca Oliveira, que participou da novela "O Outro Lado do Paraíso", estava muito emocionado no velório de sua amiga e vizinha Beatriz Segall, nesta quarta-feira (05), e aproveitou para lembrar o último encontro que teve com ela. Segundo ele, ela estava muito jovem e lúcida; bastante risonha, inclusive.

De acordo com o ator, ele, diariamente, via sua vizinha. Os dois moravam no mesmo prédio. Na última conversa que teve com ela, ele afirmou que desceu do seu apartamento e a encontrou sentada. Ela olhou para ele e elogiou a sua barba, dizendo que ele ficava muito bem desse jeito.

Juca falou que sentiu uma felicidade muito grande ao receber esse carinho da amiga e colega de profissão [VIDEO].

Ele sabia que ela não estava bem de saúde e de repente se surpreendeu com uma pessoa totalmente lúcida na frente dele, demonstrando jovialidade, rindo e conversando bastante. Juca Oliveira recentemente usou barba para fazer um dos personagens da novela "O Outro Lado do Paraíso".

Ele estava profundamente emocionado no velório e comentou que em breve vai reencontrá-la e contracenar com ela em um outro plano. O ator reiterou que Beatriz Segall [VIDEO] deixou uma grande história para todos os brasileiros. "Ela foi um modelo, um exemplo a ser seguido", disse.

O ator falou que quando morrer quer ter o prazer de fazer um grande espetáculo com ela e, para isso, contava também com outros atores já falecidos e citou: Paulo Autran e Flávio Rangel.

Morreu dormindo

O filho de Beatriz Segall comentou que sua mãe faleceu dormindo.

De acordo com ele, ela já estava com saúde debilitada e, por isso, acabou indo embora tranquilamente, sem sofrer, o que era o mais importante, declarou Sérgio Segall.

O primogênito de Beatriz enalteceu a trajetória de sucesso da mãe. Ele falou que foram 92 anos de uma viva bem vivida e ela contribuiu para a cultura brasileira.

Coragem

Sérgio comentou que sua mãe foi muito guerreira e começou a fazer sucesso aos 50 anos. As sua decisões tomadas, que as vezes não eram agradáveis para algumas pessoas, mostrava que ela brigava e lutava por aquilo que acreditava.

O corpo da atriz foi velado na noite desta quarta-feira (05) no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Ela havia sido internada em decorrência de uma pneumonia e acabou tendo seu quadro piorado nos últimos dias.

O personagem mais marcante da trajetória de Segall foi a eterna Odete Roitman.

Em seu velório apareceram vários amigos e colegas de profissão. Além de Juca Oliveira, também destacamos a presença do ator Eduardo Tolentino e do ex-governador de São Paulo, José Serra.