O estilo musical único do Funk carioca e por que não dizer do Brasil como um todo ficou um pouco mais triste, já que morreu nestá quinta-feira (6), aos 41 anos de idade, [VIDEO] uma das suas Celebridades, o intérprete Aguinaldo Timotio Alves, ou MC Naldinho, como ficou mais conhecido do grande público e da legião de fãs do seu trabalho recheado de letras e ritmo sensuais.

MC Naldinho foi o autor do sucesso para lá de bombástico no início dos anos 2000, que foi o hit "Um tapinha não dói" (entre alguns outros), que na ocasião dominou as rádios, programas de televisão e os bailes funks pelos quatros cantos do país, mas nem por isso deixou de ser acusado como um agente influenciador da violência contra as mulheres, que perdura até os dias atuais sob as mais diferentes formas de agressão.

A informação sobre a morte do músico foi confirmada no Facebook pelo empresário Bob Rum e ainda pelos familiares de MC Naldinho.

Doença e situação econômica difícil de Naldinho

Naldinho se encontrava internado há dois meses em um centro hospitalar localizado na cidade de Itaboraí, [VIDEO]região metropolitana do Estado do Rio de Janeiro, pois tinha problemas muito graves nos rins, e justamente por esse motivo, o rapaz era submetido às sofridas sessões de hemodiálises.

Atualmente ele necessitava do auxílio financeiro por parte dos amigos, uma vez que a sua situação financeira não era nada satisfatória, apesar do dinheiro que ganhou enquanto tinha vida musical para lá de ativa.

O adeus do empresário Bom Rum e da família

O empresário Bob Rum fez questão de postar na rede social, que lamentavelmente Mc Naldinho, faleceu, um tanto que esquecido pelos seus antigos admiradores, na tarde da quinta-feira, véspera do feriado nacional de 7 de setembro (Dia da Proclamação da Independência do Brasil).

Bob registrou a frase de que Naldinho possa descansar em paz, abençoado por Deus e que esse mesmo Criador possa confortar toda a família do MC.

E por falar em família, uma das filhas do cantor também se utilizou das redes sociais para poder comentar o falecimento do pai. [VIDEO]

Karolyne Souza (uma das filhas de MC Naldinho) escreveu no Facebook de que onde quer que o pai dela esteja, continuasse olhando por ela, pois o amor de filha não terá jamais fim.

A jovem registrou ainda que não esquecerá jamais tudo o que pai passou ao lado dela, e era chegada a hora do pai ir embora, para um lugar sem dor e sofrimento, amparado pelos braços do Pai (Deus). “Te amo pra sempre", concluiu Karolyne a sua postagem.

Vídeo de “Um tapinha não dói”