Após passar por inúmeras adversidades no meio artístico por causa de polêmicas, o ator Alexandre Frota está sendo processado pelo próprio filho, o modelo Mayã Frota, de 18 anos, por causa da falta de pagamento da pensão alimentícia reivindicada pelo rapaz.

Mayã mora atualmente com a mãe, Samantha Lima Gondim, e recentemente abriu um processo contra o pai, alegando que ainda não havia recebido o dinheiro, que pode chegar a cerca de R$ 60 mil. De acordo com o advogado de defesa do ator, o pagamento não teria sido efetuado devido a mudanças de valor, pois sempre que tentava pagar, o valor era aumentado pelo filho, tornando impossível um acordo pacífico entre as partes.

Publicidade

Alexandre afirmou ainda que não pretende mais pagar pensão depois que o filho completar 19 anos, pois este não estuda, não mora com ele e já tem condições de se manter sozinho com o dinheiro que ganha em seus trabalhos publicitários na Bélgica, lugar onde mora a mãe do rapaz. Frota disse também que pagará apenas a quantia que for estipulada pelo juiz após a conclusão do processo e nada mais. Falou ainda que sua única obrigação depois do encerramento do pagamento mensal é amar o filho.

Mayã e Frota brigam nas redes sociais

Além do alvoroço entre pai e filho em confronto judicial, as alfinetadas continuam através das redes sociais.

Alexandre deixou alguns fãs chocados em vídeos e textos no Facebook: "eu não me preparei para ter esse filho. Ele não é fruto de um amor". Recentemente Mayã publicou uma nota de repúdio a Alexandre Frota, que foi eleito deputado federal por São Paulo, com cerca de 152 mil votos, nas eleições do último domingo (07/10). Mayã compartilhou no Twitter: "Defende a família, mas queria me abortar". Afirmou ainda que o pai chegou a ser viciado em drogas, foi ator pornô e que não sabia como tinha conseguido ser eleito dada sua reputação.

Publicidade

A mensagem atiçou ainda mais os comentários contra Frota, já que muitos internautas já o criticavam por acharem incapacitado para assumir o cargo por ter sido ator da mídia pornográfica.

Após os ataques do filho nas redes, Alexandre saiu em própria defesa e rebateu cada palavra do garoto causando ainda mais alvoroço. Ele escreveu um grande texto e afirmou ter conhecido a mãe do garoto numa noitada e de cara tinham ido para a cama, momento no qual o rapaz foi concebido. Disse também que nunca tinha pensado em abortar o filho e continuou: "você também foi beneficiado e comeu, bebeu e se vestiu com esse dinheiro do pornô”.