Zíbia Gasparetto ficou famosa principalmente por causa dos livros espiritualistas que escreveu no decorrer de sua vida. Ela morreu aos 92 anos no início da noite desta última quarta-feira (10), em São Paulo. Pessoas mais próximas contaram que Zíbia vinha lutando contra um câncer no pâncreas e que nas últimas semanas seu estado de saúde foi piorando.

Os fãs receberam a triste notícia através do perfil oficial da escritora no Facebook: "Hoje o astral recebe com amor uma de suas representantes na Terra", informou a postagem, dizendo ainda que a escritora completou sua missão na Terra e que agora começava uma nova etapa, ao lado de seus guias espirituais.

Publicidade

O texto comentou ainda que foram quase 70 décadas dedicadas a vários livros sobre o espiritismo, sendo 58 obras publicadas e milhões de livros comercializados. A família agradeceu a todos pelo carinho e que agora, Zíbia Gasparetto seguirá em paz no plano espiritual.

No Twitter, o nome de Zíbia Gasparetto ficou entre os assuntos mais comentados desta quinta-feira e os fãs postarem suas últimas homenagens à escritora:

Filho da escritora morreu este ano

Um duro golpe na vida de Zíbia Gasparetto foi a morte de filho em maio deste ano.

Luiz Gasparetto tinha 68 anos e também lutava contra o câncer, mas no caso dele, era do pulmão. Nesta ocasião, a escritora disse que não tinha medo de morrer, pois convivia com este 'risco' diariamente.

Mas ela contou que estava enfrentando um grande problema, que considerou como uma 'escuridão forte em sua vida'.

O câncer no pâncreas foi diagnosticado no início deste ano e deste então, ela começou a travar uma verdadeira batalha contra a doença.

A escritora morreu em casa, junto à família, ela morava no Ipiranga, zona sul de São Paulo.

Publicidade

O corpo será velado hoje, a partir das 10 horas, no cemitério de Congonhas. Zíbia era natural da cidade de Campinas, São Paulo e se tornou uma das mais famosas escritoras na literatura espírita, mas ela também ganhou notoriedade como médium e era muito respeitada nesta área.

Além de 'O Amor Venceu', Zíbia tinha outras obras de sucesso, entre elas 'A Vida Sabe o Que Faz' e 'Eles Continuam Entre Nós'. Ela e o marido foram em várias reuniões na Federação Espírita do Estado de São Paulo, além dos estudos que juntos faziam em casa.

A editora Vida e Consciência, que é a empresa responsável pelas publicações dos livros de Zíbia, já divulgou uma nota em seu site se despedindo da escritora ilustre e prestando uma belíssima homenagem.