O apresentador Raul Gil é um veterano da televisão brasileiro e seu programa é exibido todos os sábados pelo SBT. O clássico quadro Para Quem Você Tira o chapéu é um dos destaques da atração, e nas últimas semanas o apresentador tem levado personalidades que apoiam o presidente eleito Jair Bolsonaro.

No último sábado, o convidado foi o apresentador Carlos Alberto de Nóbrega. Durante o quadro, Carlos Alberto afirmou que votou em Bolsonaro e não se arrepende. Segundo o humorista, Bolsonaro ainda não assumiu e já está mudando o Brasil.

Publicidade

"Ele é uma esperança para nós", destacou.

Na semana anterior, o entrevistado havia sido o jornalista Nelson Rubens, apresentador do TV Fama, na RedeTV!. Nelson Rubens não tirou o chapéu para o cantor Pabllo Vittar e afirmou que o músico transmitiu fake news ao afirmar que deixaria o Brasil caso Bolsonaro fosse eleito.

No dia 9 de dezembro, o convidado para o quadro foi o empresário Luciano Hang, dono da Havan. Hang se destacou no último ano pelo ativismo político e declarou apoio aberto a Jair Bolsonaro.

Durante a campanha presidencial, ele causou polêmica ao gravar vídeo pedindo que seus funcionários votassem em Bolsonaro.

Recentemente, ele detonou o programa Amor e Sexo, apresentado por Fernanda Lima na Globo. Segundo o empresário, o programa é uma "vergonha nacional" e por isso o ibope caiu bastante na atual temporada.

Não para por aí, em novembro Raul Gil recebeu o empresário e apresentador Marcelo de Carvalho, um dos donos da RedeTV!. Ele tirou o chapéu para Jair Bolsonaro e Sergio Moro e detonou a Rede Globo. Bolsonaro hoje é um dos assuntos em alta nas redes sociais e falar bem ou mal do presidente eleito gera sempre muita audiência.

Publicidade

Polêmica no Teleton

Fica claro que os convidados de Raul Gil compartilham das mesmas ideias que o apresentadora veterano da televisão brasileira. Na edição do Teleton deste ano, Raul Gil se envolveu em polêmica com MaIsa Silva.

Durante a maratona de solidariedade, Raul Gil elogiou Bolsonaro e MaIsa foi acusada de tentar cortar o apresentador. Nas redes sociais, a apresentadora adolescente foi bastante criticada por apoiadores de Bolsonaro e elogiada por internautas que não gostam do presidente eleito.

A jovem se defendeu dizendo que não tentou cortar Raul Gil e que apenas seguiu as ordens da direção da atração. No mesmo programa, Bolsonaro conversou ao vivo com Silvio Santos por telefone e o dono do SBT também rasgou elogios a ele.