Quase cinco anos depois de sofrer um terrível acidente, o piloto Michael Schumacher não está mais em coma e respira sem a ajuda de aparelhos. Ao menos é o que indica o jornal inglês Daily Mail. Em 2013, mais precisamente no dia em 29 de dezembro, Schumacher esquiava em suas férias na manhã de domingo, em Méribel, na França, quando se acidentou.

Em entrevista à revista francesa Paris Match no último mês de agosto, familiares teriam dito que Schumacher entende o que se passa à sua volta e que está em processo de adaptação na cadeira de rodas.

“Quando o colocamos na cadeira de rodas de frente para as montanhas e para o lago, por vezes, o Michael chora”, teria confessado um parente próximo de Schumacher.

Segundo porta voz da família em informações publicadas pelo jornal britânico Daily Mail, o campeão de Formula 1 ainda "conta com o milagre completo". Um dos maiores atletas de automobilismo, premiado sete vezes na Fórmula 1 [VIDEO], precisará ser bastante monitorado e ficará cercado de muitos cuidados médicos e carinho da família.

Já foi noticiado que os parentes mais chegados do piloto faziam questão de manter o quadro de saúde do atleta sem muitas especulações, poucos conheciam a verdadeira situação do homem que levou centenas de pessoas a se tornarem fãs do automobilismo. Porém, com a melhora expressiva de sua saúde, veio à tona que ele saiu do coma.

Tratamento caríssimo

O tratamento do piloto chegou a custar 50 mil libras por semana. Parte de todo o montante que ele conquistou com suas vitórias nos autódromos ajudou a mantê-lo confortável e pagar cerca de quinze profissionais que reúnem equipe que acompanha o atleta. Convertido em reais, o tratamento chega a aproximadamente R$ 250 mil semanalmente.

Mês passado, o jornal inglês Mirror conseguiu ter acesso a uma entrevista de um mensageira da família do atleta, Sabine Kehm, relatando que a vida Michael e de Corinna (a esposa do ex-piloto) sempre foi preservada.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Televisão

A esposa nunca quis deixar que importunassem a fragilidade que seu marido estava vivendo naquele momento, e preferia que não ligassem para ela, pois o momento era tenso. Sabrine ainda disse que sempre cuidou para que eles não fossem abordados, já que esse era o desejo particular da família.

Michael Schumacher sofreu o acidente e entrou em coma. Desde então não se obteve maiores detalhes sobre o piloto mais vitorioso que a Fórmula 1 já viu no mundo. Observa-se diante da declaração da porta voz de Schumacher que a família sempre desejou preservar o piloto dos grandes holofotes da mídia.

Sabine Kehm cumpriu seu papel, pois até alguns dias atrás não se falava do estado do piloto.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo