Com uma semana de estreia do Big Brother Brasil 19, as polêmicas não param de aparecer em torno da vida dos participantes. Principalmente de Vanderson, que antes mesmo de entrar na casa sofreu com acusações de uma ex-namorada que afirmou ter sido agredida pelo brother enquanto ainda namoravam. A revelação caiu como uma bomba e os fãs do reality show imediatamente se colocaram contra o brother nas redes sociais.

Publicidade
Publicidade

Em meio a tantas novidades, outras mulheres estiveram na delegacia e também prestaram denuncia contra o rapaz que precisará deixar a casa mais vigiada do país para prestar depoimento, conforme anunciou a delegada Rita Salim.

'Ele vai ser ouvido na delegacia', afirmou a delegada

Essa não é a primeira vez que o BBB acaba envolvido em casos de polícia por conduta de seus participantes, seja dentro ou fora do jogo.

Publicidade

Em outras edições, a polícia já esteve nos Estúdios Globo, onde fica a casa do programa para ouvir depoimentos após caso de violência ter sido apontado dentro do reality, conforme aconteceu com Marcos Harter e Emilly Araújo no BBB17.

Dessa vez, a delegada que ouvirá o depoimento de Vanderson descartou a possibilidade de ir até o programa para ouvir o brother e afirmou: 'Ele vai ser ouvido na delegacia'.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
BBB Big Brother Brasil

Sendo assim, o brother deverá deixar o jogo para se dirigir até a delegacia, ainda nesta semana. Não se sabe ainda como ficará a participação no rapaz na disputa pelo prêmio milionário da 19ª edição do BBB.

As acusações contra Vanderson

Após três mulheres acusarem Vanderson de violência física, abuso sexual e importunação, investigações foram abertas no Rio Branco, no Acre, onde os registros foram feitos.

A pedido da delegada Juliana de Angelis, da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) do município, o biólogo será ouvido pela delegada Rita Salim, no Rio de Janeiro.

Rita, falou com o Extra sobre as acusações contra Vanderson e revelou que a ex-namorada do rapaz o acusa de violência física durante o período em que mantiveram um relacionamento. Segundo a delegada, o biólogo teria agredido a moça uma vez e por esse motivo teria chegado ao fim o namoro dos dois.

Publicidade

Além de violência contra mulher, Vanderson será ouvido a respeito de uma acusação de abuso sexual: "O sexo pode ser consensual e, no decorrer do ato, a mulher pode não querer mais algo e acaba sendo obrigada a fazer. Isso, também, é entendido como estupro", afirmou Rita Salim.

O terceiro caso contra o biólogo trata-se de importunação ofensiva ao pudor. Segundo depoimento de uma das mulheres, Vanderson teria insistido em uma aproximação durante uma festa e teria lhe passado a mão sem consentimento, conforme contou a delegada.

Publicidade

Ainda conforme contou Rita Salim, Vanderson está sendo investigado e não condenado. Já a família do brother teria sido procurada pelo Extra, porém não atendeu as ligações e não se pronunciou sobre as acusações contra Vanderson.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo