O cantor Marciano morreu aos 67 anos de idade nesta sexta-feira (18), vitima de um infarto. O sertanejo se tornou um dos mais talentosos artistas de sua época e, ao lado de João Mineiro, criou musicas marcantes como Ainda Ontem Chorei de Saudade e Fio de Cabelo.

O sertanejo iniciou sua carreira no ano de 1970 e fez história na Música. Sua morte está sendo lamentada por várias artistas da música e também amigos e familiares. No entanto, durante um momento tão complicado como esse, ainda surgem polêmicas envolvendo os filhos do cantor.

Publicidade

Filhos de cantor não são bem-vindos no velório

O velório de Marciano está acontecendo na Câmara Municipal de São Caetano do Sul. Um fato chamou a atenção e também provocou estranheza por parte dos fãs. Os filhos do sertanejo: Fabiano e Marciane, foram impedidos de entrar no velório do próprio pai.

Isso porque Alexandra, que era casada com o artista, teria impedido os dois herdeiros afirmando que eles não eram bem-vindos no local. Fabiano fez uma publicação em seu perfil nas redes sociais lamentando a morte de um dos grandes ídolos da música nacional.

Em suas palavras, ele afirma que o Brasil perdeu um de seus maiores sertanejos vítima de um infarto. Também diz que João Mineiro e Marciano irão ficar guardados para sempre no coração dos fãs, amigos e familiares.

Vale lembrar que Fabiano e Marciano não mantinham uma boa relação. No ano de 2016, o cantor chegou a processar seu próprio herdeiro e pediu uma indenização no valor de R$ 20 mil por causa de ofensas sofridas nas redes sociais.

Fabiano chegou a falar sobre o pai na internet. Na ocasião, ele disse que Marciano estava "enganando o Brasil" com o seu jeito bonzinho.

Publicidade

Porém, na realidade, ele nunca tinha se preocupado se ele estava bem e muito menos quis conhecer o neto.

No ano de 2017, a briga na Justiça finalmente terminou e Fabiano conseguiu vencer o cantor. Durante entrevista para o programa A Tarde é Sua, da RedeTV!, o filho de Marciano disse a Sonia Abrão que tentou ir ao velório, no entanto, não foi bem recebido e recebeu conselhos da advogada da família a não permanecer no local. O rapaz também teria ouvido de algumas pessoas presentes no velório que não era bem-vindo.