O elenco da novela "O Sétimo Guardião" viveu um momento muito delicado nesta quarta-feira (27), quando o figurante Joseph Lima dos Santos, de 23 anos, morreu após a gravação de uma cena da novela.

O rapaz era conhecido como Zimmerman e fazia parte da agência Luz e Cor. Após passar mal, recebeu os primeiros atendimentos no próprio local e em seguida foi encaminhado para o hospital, porém ele não resistiu e acabou falecendo.

A Rede Globo emitiu um comunicado no qual lamentou profundamente a perda do ator.

Publicidade

Também informou que a emissora presta solidariedade e está acompanhando toda a assistência que a família de Joseph está recebendo nesse momento tão delicado.

Segundo o UOL, Joseph gravou algumas cenas que estavam previstas no roteiro dos figurantes. O rapaz teria começado a trabalhar e inicialmente teria reclamado de dores nas costas, entretanto não passou pela cabeça de ninguém que poderia ser algo tão grave. Durante as gravações ele reclamou que as dores aumentaram e disse que estava com dificuldades para respirar, e pediu para se deitar.

Foi nesse momento em que a equipe percebeu que o estado do jovem era grave e que ele estava sofrendo um infarto. Após perceberem a gravidade do problema o jovem foi socorrido.

Zimmerman, que era paranaense, vivia no Rio de Janeiro há três anos. Nani Cardoso, amigo de trabalho de Joseph, usou as redes sociais para fazer um desabafo. O rapaz afirmou que Zimmerman tinha um grande futuro pela frente. Na postagem, Nani informava que o rapaz acabava de morrer durante um set de gravação nos Estúdios Globo.

Publicidade

Cardoso conta que antes do almoço os enfermeiros do Projac aplicaram uma injeção para dores musculares após o jovem ter reclamado de dores nos peitos. Após a aplicação, Joseph almoçou e depois retornou normalmente para o set de gravação.

Cena dentro de ônibus

Ainda na mesma postagem, Cardoso afirma que o rapaz gravou uma cena em que havia muitas pessoas dentro do ônibus e diz que foi exatamente lá que o colega de profissão passou mal.

Ainda de acordo com Nani, após ser constatada a morte do colega, as gravações prosseguiram normalmente como se nada de diferente tivesse acontecido.

Ao final do desabafo, o colega de Joseph afirma que os figurantes são tratados apenas como objetos e não como seres humanos. A postagem termina com Nani dando os pêsames para toda a família do paranaense.