O cantor Wesley Safadão tem se envolvido em várias polêmicas recentemente. Conhecido por seus sucessos, o artista viu seu nome ser divulgado na internet em meio a polêmicas envolvendo sua ex-companheira, Mileide Mihaile.

O caso acabou se tornando uma verdadeira "novela mexicana", e envolveu até mesmo a mãe do artista. A cada dia, um novo problema surge e brigas na Justiça se arrastam a vários meses. Desta vez, o cenário da nova polêmica gira em torno do atacante Neymar.

Publicidade
Publicidade

Tudo aconteceu durante a noite desta última segunda-feira (4), em Paris, na França. Wesley Safadão foi convidado para cantar na festa do jogador e tentou levar uma presença ilustre para o evento.

Wesley Safadão se envolve em nova polêmica por causa do filho

Aproveitando a oportunidade de se apresentar no exterior, Wesley quis levar seu filho Yhudy para a festa. No entanto, o cantor acabou sendo impedido pela mãe do garoto, Mileide Mihaile.

A confusão foi divulgada pelo programa "Fofocalizando", exibido pelo SBT, e também confirmada por Thyane Dantas, esposa do músico.

Nas redes sociais, a loira se irritou com alguns comentários do público e fez questão de desabafar.

Safadão também fez comentários sobre o caso e nesta terça-feira (5), Mileide divulgou um comunicado à imprensa contando a sua versão da história. No inicio da mensagem, a ex de Safadão explica que era com muita tristeza que estava esclarecendo todos os fatos ocorridos durante o evento. "Vivi momentos de terror", afirmou a morena na mensagem.

Ela também lamentou afirmando que após todo o desgaste e brigas na Justiça ainda tinha que falar sobre o assunto publicamente.

Publicidade

Mileide diz que viveu momentos de terror nos últimos dias e estava no Rio de Janeiro quando recebeu uma ligação de seu filho. Ele pedia incansavelmente para viajar para Paris para participar do aniversário de Neymar.

No entanto, Mileide explica que Yhudy na realidade não estava fazendo tanta questão de ir ao evento e por esse motivo não aceitou que seu herdeiro viajasse. A ex de Safadão ainda afirma que ele iria na companhia de sua madrasta, o que aumentou ainda mais a sua recusa.

Mihaile conta também que o motorista do marido estava na porta da loja lhe coagindo para que o filho fizesse a tal viagem. Por fim, ela afirma que tem vídeos e cartas do gerente e da vendedora da loja confirmando a história e seu filho é apenas uma criança e não merecia estar passando por uma situação como essa. O caso se estende há vários meses e também envolve comentários feito na internet denegrindo a família do cantor.

Leia tudo