Uma das perguntas mais pertinentes feitas pelos telespectadores de 'Espelho da Vida' é a indagação do motivo de Teresa (Clara Galinari) ser muda na telenovela. A justificativa, para a felicidade dos mais curiosos, foi revelada pelo redator da novela: a menina foi estrangula por Eugênio (Felipe Camargo), algo que lhe deixou extremamente espantada, não conseguindo pronunciar palavras novamente.

Dora, interpretada pela atriz Alinne Moraes, irá dizer para a sua mãe Graça (Patricya Travassos) que Eugênio apertou fortemente o pescoço da pequena criança, até ela não conseguir mais falar, perdendo a linguagem.

Publicidade

Para tentar salvar sua mãe, a pequena irá se ver em um momento que será obrigada a falar. Após a descoberta de que Piedade (Julia Lemmertz) está aprisionada pelo vilão, Graça tomará uma atitude, decidindo ir até o rapaz a fim de tirar satisfações. No momento da discussão, chegará uma hora em que Graça irá se virar e, então, o coronel preparará para alvejá-la pelas costas. Entretanto, Teresa irá surpreender a todos, dando um forte grito e deixando sua mãe ligada. “Cuidado!”, dirá a jovem. Após essa situação, Graça irá se agachar, escapando da terrível morte que estava prestes a acontecer.

Já Albertina (Suzana Faini), aparecerá na cena se mostrando curiosa, perguntando o que está acontecendo e como “essa gentinha” conseguiu entrar na residência.

Ao aparentar nervosismo com o ocorrido, a moça irá apontar xingamentos para Eugênio, lhe chamando de devasso e canalha, o culpando por Teresa, sua filha, perder a fala por conta das covardias vindas do homem. Continuando, ela ainda o ameaçou de realizar um grande escândalo, caso sua comadre não seja poupada.

Mais sobre 'Espelho da Vida'

No final da trama da telenovela, conseguiremos entender e ter explicações do porquê de Felipe (Patrick Sampaio) se mostrar tão maldoso.

Publicidade

Otavio irá ter uma grande decepção ao encontrar o amor de sua vida e seu irmão juntos. Como esperado, ele irá sentir uma grande revolta, indo para cima de Gustavo (João Vicente Castro), fazendo tudo acabar com grandes dores de cabeça.

Gustavo, no entanto, não ficará parado, dando um forte soco, que desequilibrará o personagem, o fazendo bater a cabeça e ir a óbito. Nas informações obtidas pelo jornal Extra, Dora irá ficar sabendo de todo o acontecido, não agradando do modo em que seu amante agiu na situação.

O pensamento de estar convivendo frente a frente com um assassino perturbará a cabeça da lavadeira, que indagará Dora nas cenas, perguntando se a moça realmente acha que Gustavo matou seu irmão.