Eurico Miranda, dirigente do Vasco, estava lutando contra um câncer no cérebro. Ele faleceu nesta terça-feira (12) em um hospital que fica localizado na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Eurico ocupava atualmente o cargo de presidente do Conselho de Beneméritos do clube. Miranda não fez aparições públicas nos últimos meses. O estado dele foi se agravando e ele passou a ter dificuldades para poder se alimentar. Foi na manhã desta terça que ele precisou ser levado ao hospital, porém, embora ele tenha recebido auxílio médico, não conseguiu resistir e veio a falecer.

Publicidade
Publicidade

Eurico já estava debilitado desde o início de 2018

Eurico Miranda participou de uma reunião do Conselho Deliberativo em novembro de 2018 e já apresentava estar muito debilitado. Inclusive precisou de ajuda para poder se levantar da cadeira em que estava sentado e puxar o grito de Casaca, que ele sempre esteve habituado a liderar.

Naquela ocasião Eurico fez um anúncio no qual informou a todos que iria diminuir suas visitas ao Vasco. Ele se limitou apenas a reuniões realizadas pelo Conselho de Beneméritos e do Conselho Deliberativo.

Inclusive ele decidiu dispensar os motoristas e seguranças particulares.

Embora tenha limitado suas atividades junto ao clube apenas em novembro de 2018, a verdade é que Miranda já estava debilitado desde o início do ano passado. Mesmo assim ele sempre se esforçou e se mostrou presente em jogos do Vasco que aconteciam em São Januário. Miranda chegou a ir em Vargem Pequena para prestigiar os treinos do elenco no CT do Almirante.

Assista ao vídeo que Felipe Schimidt publicou em seu perfil no Twitter em novembro de 2018 quando Eurico puxou o grito da Casaca

Câncer no pulmão e na bexiga

Antes de ser acometido por um câncer no cérebro, Eurico conseguiu vencer um câncer no pulmão e outro na bexiga.

Publicidade

Porém, com o surgimento desse tumor no cérebro sua situação se agravou muito. Nos últimos meses de vida, para poder se locomover, Miranda estava fazendo uso de uma cadeira de rodas. Recentemente ele começou a se tratar em casa.

Trajetória de Eurico

Entre 1990 a 2002 ele esteve como vice-presidente do Vasco. Nos períodos compreendidos entre 2003 a 2008 e de 2015 a 2017, Miranda foi presidente do Vasco. Vale lembrar que ele também participou de grandes conquistas do clube, como por exemplo a Copa Mercosul e Copa de João Havelange em 2000, Copa dos Libertadores em 1998 e Campeonato Brasileiro em 1997.

Leia tudo