Anitta teve sua biografia não autorizada produzida pelo jornalista e apresentador do "Fofocalizando", Leo Dias.

Abordando no livro assuntos polêmicos que integram a vida e a carreira de Anitta, Leo Dias também relatou a fé da cantora em sua Religião, o candomblé.

Anitta frequenta terreiro de candomblé no Rio de Janeiro

Sucesso no Brasil e em alguns países do mundo, segundo Leo Dias, a cantora Anitta, leva uma vida bastante simples, quando se encontra nas dependências do terreiro de candomblé que frequenta no Rio de Janeiro, juntamente com o pai e o irmão.

Publicidade
Publicidade

Na biografia, Dias revela que a famosa frequenta já há alguns anos um terreiro localizado na região metropolitana da capital carioca, onde constantemente é vista de forma simples, muita das vezes descalça e exercendo atividades como lavando banheiros, varrendo o chão do local e auxiliando na mesa de refeições.

Leo ainda revela no livro que enquanto a artista se encontra no terreiro, ela se entrega totalmente ao ambiente e nem de perto lembra a popstar que se apresenta nos principais palcos do Brasil e posa deslumbrante para fotos nas redes sociais.

Publicidade

Anitta é considerada 'Ekedi' no candomblé

O pai biológico da cantora, bem como o irmão da mesma, frequentam o mesmo terreiro que a artista e, por conta de suas experiências como membros ativos, já são denominados como pai e filho de santo.

Tida como uma pessoa iluminada, Anitta por sua vez é considerada "Ekedi", um "ser abençoado" que, para os adeptos do candomblé, é tido como zelador dos orixás e conta com posições privilegiadas no terreiro. Ser "Ekedi" é uma graça que já nasce com a pessoa e, no caso de Anitta, esse privilégio foi imediatamente identificado pelo pai de santo, Sérgio, no primeiro encontro que teve pessoalmente com a artista.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Religião

Anitta recorreu ao candomblé após crise financeira

No livro, Leo Dias afirma que Anitta passou a seguir e a se dedicar fielmente os dogmas da religião de matriz africana após enfrentar uma das piores crises financeiras da sua vida, que aconteceu logo no início de sua carreira artística.

De acordo com o jornalista, após ser colocada na geladeira pela Furacão 2000 e o pai ficar desempregado, Anitta e a família passaram a enfrentar dificuldades financeiras e ela encontrou refúgio e auxílio espiritual na religião.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo