O rapper Nipsey Hussle, de 33 anos, foi morto a tiros na noite deste domingo (31), em Los Angeles, de acordo com informações passadas pelas autoridades locais. Ele chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. O artista havia sido indicado ao prêmio Grammy deste ano por sua estreia em grandes gravadoras.

Ainda de acordo com a Polícia de Los Angeles, além do rapper, outras duas pessoas foram baleadas em frente à loja da qual Hussle era proprietário.

Publicidade
Publicidade

Elas estão em condição de saúde estável. Nenhuma pessoa suspeita de envolvimento no crime ainda foi detida ou identificada até o momento. Testemunhas serão ouvidas e detetives buscam nos arredores do estabelecimento por câmeras de segurança para tentar ajudar a solucionar o caso.

O tiroteio aconteceu pouco depois do próprio rapper tem usado sua rede social para publicar uma emblemática frase. “Ter inimigos fortes é uma benção”, escreveu.

Publicidade

Um jornal de Los Angeles publicou uma nota na qual diz que o crime pode estar relacionado com guerra de gangues. Na adolescência o artista fez parte de uma gangue chamada “Rollin 60's Neighborhood Crips”. Depois da notícia do tiroteio, uma multidão de fãs se reuniu em torno do local do crime.

Indicação ao Grammy e carreira

Tendo trabalhado com grandes nomes da Música, como Drake, 50 Cent, Kendrick Lamar, Young Thug e Snoop Dogg, Nipsey Hussle foi nomeado para um Grammy de Melhor Álbum de Rap após o lançamento de “Victory Lap”, seu primeiro disco de estúdio.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Música

O prêmio da categoria acabou ficando com Cardi B.

Ermias Asghedom, nome de batismo de Nipsey Hussle, nasceu no bairro de Crenshaw, no sul de Los Angeles, em 15 de agosto de 1985. Durante mais de dez anos gravou diversas músicas até que no ano passado conseguiu gravar “Victory Lap”, seu primeiro trabalho de estúdio, lançado pela gravadora Atlantic Records. Se último trabalho foi na semana passada, quando participou da gravação de um clipe.

Ele mantinha um relacionamento com a atriz Lauren London e dessa união nasceu em 2016 Kross Asghedom, única filha do casal, que pretendia ficar noivo em breve. Ele também era pai de Emani Asghedom, fruto de um relacionamento anterior.

Nas redes sociais vários artistas e nome do esporte publicaram notas de pesar após a confirmação da morte do rapper. “Orações para todo homem de família. Isso tem que parar”, escreveu Snoop Dogg.

Publicidade

“Deus, por favor, cubra e restaure NipseyHussle agora”, postou o jogador de basquete e astro da NBA Steph Curry.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo