Na edição do "Jornal Nacional" dessa quarta-feira (10), o apresentador William Bonner revelou que precisou de uma ajuda inusitada para chegar ao trabalho. Por conta da forte chuva que acometeu o Rio de Janeiro, o jornalista pegou carona com um caminhoneiro para chegar no trabalho.

O âncora do telejornal contou que tentou ir a pé para a emissora, fazendo um percurso em que havia menos água pela rua Jardim Botânico.

No entanto, no caminho Bonner encontrou um caminhão guincho plataforma na pista --caminhão do tipo reboque.

Naquele momento o motorista do caminhão parou e gentilmente convidou William Bonner para subir na boleia e atravessar as ruas alagadas, disse o jornalista do horário nobre da Rede Globo.

Sua colega de bancada naquela noite, a apresentadora Giuliana Morrone, ouviu atentamente a história e questionou o apresentador sobre os fatos.

"Olha só, isso você não me contou", brincou a jornalista.

A apresentadora contou que também passou por apuros devido as fortes chuvas que atingiram a cidade do Rio de Janeiro. Giuliana revelou que precisou empurrar o carro de uma amiga durante a tempestade.

Os depoimentos ocorreram depois da apresentação da uma reportagem sobre gestos de solidariedade durante os dias de temporal. O apresentador aproveitou a transmissão ao vivo do informativo para agradecer o gesto do caminhoneiro. Bonner reforçou que, apesar de simples, foi uma atitude gentil e oportuna.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Vagas

Chuva intensa no Rio de Janeiro

O Centro de Operações afirma que não há previsão de chuvas para as próximas horas, contudo, desde a última segunda-feira (8), a chuva intensa no Rio de Janeiro provocou caos e desordem.

A cidade permanece em estágio de crise diante dos temporais mais intensos dos últimos 22 anos, de acordo com o Centro de Operações. As fortes chuvas deixaram um rastro de destruição no município e provocaram a morte de 10 pessoas.

Marcelo Crivella, prefeito da cidade, decretou Estado de Calamidade Pública. O anúncio foi publicado no Diário Oficial do município desta quinta-feira (11).

Entre os transtornos, 7 vias interditadas na capital e na região metropolitana do Rio, como a Avenida Niemeyer, que liga o Leblon a São Conrado. Além disso, há ainda alguns pontos de deslizamentos e o registro de uma casa atingida na região do Vidigal.

Partes do Museu Casa do Pontal, na região do Recreio dos Bandeirantes, também foi atingido pelas chuvas. Em São Gonçalo, a prefeitura registrou estado de alerta, uma vez que parte da cidade segue desabrigada, embora muitos tenham ido para a casa de parentes.

A previsão do tempo hoje, segundo o Alerta Rio, é de céu nublado à parcialmente nublado, sem previsão de chuva. Ventos fracos à moderados e temperaturas estáveis, com mínima de 20°C e máxima de 32°C.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo