Desde os primeiros capítulos da novela "A Que Não Podia Amar", do SBT, a personagem Cinthia, interpretada pela atriz Susana González, vem mostrando que não é flor que se cheire. A megera sempre foi totalmente submissa ao irmão, Rogério, mas em compensação, desconta todas as suas raivas em Ana Paula, a quem ela não suporta. No entanto, tirando algumas traições e surtos, a personagem até agora não estava conseguindo despertar o ódio dos telespectadores, até porque a personagem não foi criada para ser exatamente uma vilã, porém, um fato vai mudar o rumo da novela daqui em diante.

Acontece que, a partir das próxima semanas, a novela "A Que Não Podia Amar" vai sofrer uma guinada em seu enredo.

Rogério, que até agora sempre foi colocado como o verdadeiro vilão da história, passará para o papel de protagonista, juntamente com Ana Brenda Contreras, que interpreta Ana Paula. Gustavo, personagem do ator José Ron, que foi escalado para ser o galã da trama, não agradou e será rebaixado ao papel de mero coadjuvante. E como todo bom dramalhão mexicano, não pode faltar o papel de vilão, papel esse que ficará a cargo da personagem Cinthia.

Todas essas mudanças foram tomadas pela Televisa em 2011, quando a novela ainda estava sendo exibida no México. Por volta do capítulo 40 original (aqui no Brasil, nesta sexta (31/05), deverá ser exibido o capítulo 45 na edição original) a Televisa percebeu que José Ron não estava caindo nas graças do público como protagonista, e que Jorge Salinas, o Rogério, era um ator muito mais pronto para o papel.

Essas mudanças foram responsáveis por salvar a audiência no folhetim no México e garantiu que a trama se tornasse um sucesso até mesmo internacional.

Como vilã principal, Cinthia passará a ser muito mais maldosa do que é atualmente. A personagem se tornará uma assassina em série. Para começar, Cinthia, que já não gosta muito da relação entre Ana Paula e Rogério, vai se opor de forma muito mais agressiva a essa relação, e o principal pretexto para isso será o dinheiro, já que ela não quer que a moça fique com a fortuna de seus pais.

Os assassinatos começam quando a vilã, durante uma discussão, acabará com a vida de Elias, personagem do ator Fabián Robles. Não satisfeita, mais tarde, ela fará outra vítima: David, seu ex-noivo.

Audiência

Na última quinta-feira (30), a novela "A Que Não Podia Amar" conseguiu mais um excelente índice de audiência, chegando pela primeira vez, depois de algumas semanas, a ficar perto de 8 pontos.

A trama de Ana Brenda Contreras e Jorge Salinas marcou 7,9 pontos de audiência, segundo dados do Ibope na Grande São Paulo. Cada ponto de audiência na capital paulista equivale a aproximadamente 73 mil domicílios.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Novelas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!