Reprisada inúmeras vezes pelo SBT, "A Usurpadora" se tornou um verdadeiro ícone das Novelas mexicanas aqui no Brasil. A trama protagonizada por Fernando Colunga e Gaby Spanic figura entre os maiores sucessos da história da dramaturgia mexicana. Porém, nem tudo se resumia ao casal principal da novela. Os personagens secundários também tinham muita importância na trama, como é o caso de Lisette Bracho, a menininha que era filha do casal protagonista.

A personagem foi interpretada pela atriz Maria Solares, que em entrevista à People en Español revelou que os país a fizeram desistir da carreira de atriz.

"Meus pais decidiram me retirar da mídia para que eu tivesse uma infância tranquila e feliz, porém a atuação é algo que segue me apaixonando cada vez mais", revelou a atriz, que hoje tem 25 anos.

Quando fez a personagem Lisette, María tinha apenas 4 anos, e mesmo assim conseguiu se destacar. Ela revelou que as gravações sempre foram um desafio para ela. Apesar do seu talento inegável, "A Usurpadora" marcou a estreia da atriz na TV, mas também marcou a sua despedida, já que depois desse trabalho ela nunca mais voltou a atuar na TV.

"Os meus pais queriam que eu fosse como a minha irmã, e tivesse uma infância saudável e normal, e por isso eles decidiram que eu não iria mais fazer nenhum papel até ter idade suficiente para nós decidirmos por nós mesmas, se queríamos seguir atuando ou não", declarou a atriz.

Quando perguntada sobre as memórias que tem das gravações de "A Usurpadora", María diz que tudo sempre foi muito difícil, mas que sua mãe sempre a fez entender que aquilo não era real, e que era apenas a María brincando de ser Lisette.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Novelas

"Eu me divertia muito, mas as vezes também era cansativo porque as gravações iam até altas horas da madrugada", contou.

María também falou sobre sua relação com a atriz Gaby Spanic, uma das protagonistas da novela. "Minha relação era excelente. Gaby é uma pessoa extraordinária e extremamente doce. Lembro que ela lia histórias para mim e brincava comigo. Sempre me recebia com um abraço apertado e dizia que as vezes a Paola seria dura comigo, mas que aquilo era apenas atuação", finalizou María.

Nova versão de 'A Usurpadora'

A Televisa prepara uma nova versão da novela "A Usurpadora", que fará parte de um projeto chamado "Fábrica de Sueños", que visa relembrar os maiores sucessos da dramaturgia mexicana em formato de série.

Sandra Echeverría e André Palácios serão os protagonistas da nova versão, que ainda não tem data definida de estreia, porém acredita-se que seja ainda no segundo semestre de 2019. Na nova versão, o personagem de André Palácios interpretará o presidente do México.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo