A primeira fase de "A Dona do Pedaço" foi marcada por mortes de diversos personagens, mas a trama de Walcyr Carrasco não parou por aí e teremos mais uma morte nos próximos capítulos.

Edilene (Cynthia Senek), a doméstica que irá viver um caso com seu patrão, Otávio (José de Abreu), terá um fim trágico no folhetim global. Ela estará iludida no relacionamento e irá pensar que Otávio está disposto a largar sua esposa para ficar com ela, quando na verdade o caso só representara mais um para o pai adotivo de Virgínia.

A empregada presume, então, que Otávio ficará feliz em ter um filho biológico, logo ela irá furar os preservativos usados por eles para poder engravidar, mas seu plano não sairá como o esperado, e Otávio irá mandar ela abortar.

"Eu estou grávida de você. Vou ter um filho seu, do seu próprio sangue, Otávio", dirá, empolgada.

Edilene ainda dirá que, diferentemente de Virgínia, o filho que ela espera dele é biológico e que eles devem formar uma família.

Otávio então dirá para a amante que ama Virgínia como se ela fosse realmente sua filha e depois a acusará de tentar aplicar um golpe da barriga.

Seguro de que sempre usou preservativos, Otávio dirá que o filho só pode ser de outro homem. Sem saída, ela irá confessar que furava as camisinhas. Otávio irá abrir a carteira e jogar em Edilene diversas notas e pedirá para que ela tire o filho como um de gesto amor.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Novelas Televisão

Ela irá chorar bastante, mas atenderá o pedido.

Depois de ter se acalmado, Olavo trata Edilene com carinho e promete que se ele fizer o aborto, no futuro irá ficar com ela. A amante acreditará nas palavras de Olavo e irá procurar uma clínica clandestina.

Pai de Edilene, Cosme (Osvaldo Mil) irá receber uma ligação do hospital em que ela estará depois que o procedimento falhar.

A enfermeira dirá que Edilene buscou fazer um aborto e depois que o procedimento deu errado ela foi jogada na rua.

Cosme então entrará em desespero e encontrará a filha ainda viva no hospital. Lá ele perguntará quem é o responsável por ela estar naquele estado e Edilene responderá: "foi o doutor Otávio, pai. O doutor Otávio", morrendo em seguida.

Josiane descobre que seu pai está vivo

Após pouco tempo após ter reencontrado Amadeu (Marcos Palmeira), Maria da Paz (Juliana Paes) irá contar para Josiane (Agatha Moreira) que ele está vivo em uma longa conversa.

"Vivo.

Meu pai tá vivo. Como ele é? Rico?", questionará Josiane.

Maria da Paz irá responder que ele é não é rico, possui um carro simples e é advogado, completará dizendo que isso não é um fator importante, e o que vale realmente é o fato dele estar vivo. Josiane mentirá na hora e irá concordar com a mãe.

"Eu estou quase chorando! Não sei demonstrar, mãezinha. Eu estou... sufocada de tanta emoção. Meu pai, vivo", dirá Josiane, encenando para a mãe.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo