Nesta semana, a produtora norte-americana Walt Disney Pictures divulgou o elenco da nova versão de mais um de seus clássicos e a notícia teve grande repercussão na internet. Isso porque a companhia informou o nome de uma atriz negra para protagonizar a princesa Ariel, personagem principal do filme "A Pequena Sereia".

A história é inspirada no conto de fadas de Hans Christian Anderson e foi originalmente lançada no ano de 1989.

O enredo conta a trajetória da princesa Ariel, uma sereia que sonha viver em terra firme, ao lado dos humanos. Naquele ano a animação levou as estatuetas de melhor trilha sonora e melhor canção do Oscar com "Under the Sea".

A nova versão do filme, ainda sem data de estreia, vai ser produzida no formato live-action, técnica que busca reproduzir uma animação original e tornar a história mais próxima da realidade por meio de tecnologia de ponta, cenários e personagens reais.

A releitura vai ser dirigida por Rob Marshall, diretor conhecido por obras como "Chicago" (2002), "Caminhos da Floresta" (2014) e "O Retorno de Mary Poppins" (2018) e deve começar a ser gravada no ano que vem.

Halle Bailey

A recente polêmica gira em torno da escolha da jovem cantora e atriz Halle Bailey, de 19 anos, para interpretar a protagonista da história que, como se sabe, foi estereotipada como uma personagem ruiva em sua primeira versão.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Fofocas

Apesar da pouca idade, a artista registra em seu currículo o duo "Chloe x Halle", que formou em 2015 com sua irmã para performar canções de R&B. A dupla mantém um contrato na Columbia Records, mesma gravadora da popstar Beyoncé. Bailey também traz na bagagem a conhecida personagem Sky Forster da série televisiva "Grown-ish", derivada de "Black-ish".

Repercussão na internet

O anúncio foi realizado nessa quarta-feira (3), e a atriz aproveitou seus perfis oficiais nas redes sociais para comemorar a decisão da Disney.

No Instagram e no Twitter, a jovem publicou uma arte feita por fãs que reproduzia uma sereia negra com a seguinte legenda: "o sonho virou realidade".

Contudo, no mesmo dia, Halle Bailey desativou a opção de comentários das suas fotografias no seu perfil oficial do Instagram, muito provavelmente por conta das declarações racistas que recebeu por parte do público.

Na publicação do Twitter, ainda é possível observar respostas preconceituosas.

Parte dos internautas defende a escolha de Halle Bailey para interpretar a princesa Ariel, motivados pela representatividade promovida pela obra. O fato é incomum nas releituras hollywoodianas e a escalação da jovem foi considerada um avanço da luta pela diversidade.

A prática é inclusive denominada pelo termo em inglês "color-blind casting", onde a etnia do personagem não influencia na contratação de um ator.

No entanto, alguns usuários da web afirmam que a escolha de uma protagonista negra para viver a Pequena Sereia descaracteriza a história original.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo