As gravações da novela "Éramos Seis", que substituirá "Órfãos da Terra" no horário das 18h, já estão a todo vapor. A novela deverá estrear em meados de setembro. Prova disso é que Glória Pires postou em sua conta do Instagram um clique no qual aparece caracterizada como Lola, sua personagem na trama.

Ao postar a imagem em questão, Glória destacou que ela fazia parte de um #TBT, sigla que significa throwback thursday (em tradução livre, quinta-feira de relembrar).

Entretanto, de acordo com a atriz, ela não tinha certeza se a foto se tratava de uma lembrança do passado ou do futuro, uma vez que a novela em questão possui outras versões.

Glória ainda comentou os personagens que seriam interpretados pelas outras atrizes que apareciam ao seu lado na postagem. Dessa forma, é possível saber que Simone Spoladore dará vida a personagem Clotilde e que Maria Eduarda de Carvalho interpretará Olga.

Ambas as personagens são irmãs de Lola na trama.

A história de "Éramos Seis" gira em torno de Lola e sua família. A protagonista é casada com Júlio, que será interpretado pelo ator Antônio Calloni. Lola também é a mãe dos personagens que serão vividos pelos atores Nicolas Prattes, André Luiz Frambach, Danilo Mesquita e Giullia Buscacio.

Além da versão que será veiculada em breve pela Globo, "Éramos Seis" já contou com versões transmitidas pela Record, ainda na década de 1950, e também pela antiga TV Tupi, no ano de 1977. A versão mais recente da trama a ser exibida na TV, entretanto, é a do SBT, que foi produzida em 1994.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Novelas

Conheça a história

A novela "Éramos Seis" é uma adaptação literária do romance de Maria José Dupré de mesmo nome. Na versão veiculada pelo SBT, a trama tem início em São Paulo, na década de 1920, e conta as lutas do patriarca da família para pagar as prestações da casa da família.

A novela se dedica a acompanhar todos os pontos marcantes da vida de Lola ao longo de 20 anos. A luta para conseguir criar os quatro filhos; a morte do marido, que força os quatro a abandonarem os estudos para trabalhar; e também os desdobramentos das decisões tomadas pelos filhos da protagonista, que envolvem mortes e alguns outros acontecimentos tristes.

Entretanto, ainda que diversos acontecimentos marcantes da trama de "Éramos Seis" sejam trágicos, também existiram nas versões anteriores da novela momentos leves e personagens que funcionaram como um alívio cômico para Lola e o telespectador. Nesse sentido, é possível destacar Candoca, a tia hipocondríaca da protagonista.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo