O SBT decidiu voltar atrás e vai reprisar a novela mexicana "Abismo de Paixão" já a partir desta terça-feira (27), em sua faixa de "Novelas da Tarde". Esta será a primeira reprise do folhetim, que foi exibido originalmente pela emissora de Sílvio Santos em 2016.

A novela protagonizada por Angelique Boyer e David Zepeda será reprisada no lugar de "A Dona", no horário das 18h45. No entanto, a reprise de "Abismo" não significa que a emissora paulista desistiu da ideia de exibir a série "Milagres de Nossa Senhora", até porque a atração vem registrando bons índices de audiência desde que voltou às telinhas.

A partir desta terça (27), a programação vespertina do SBT ficará da seguinte forma:

  • 17h15 - "A Que Não Podia Amar"
  • 18h00 - "Milagres de Nossa Senhora"
  • 18h45 - "Abismo de Paixão"

A notícia pega de surpresa os fãs de novelas mexicanas, que já estavam acostumados com a ideia do cancelamento da segunda faixa de novelas mexicanas. Até então, a substituta de "A Dona" seria a série "Milagres de Nossa Senhora", mas pelo visto, algo fez a emissora mudar de ideia.

A novela "Abismo de Paixão", quando exibida de forma inédita pelo SBT, em 2016, marcou excelentes índices de audiência para a emissora, sempre com médias superiores aos 8,5 pontos, segundo dados consolidados do Kantar Ibope na Grande São Paulo.

Em seus melhores dias, o dramalhão chegou a alcançar picos de 12 pontos em São Paulo, índices considerados excepcionais para o horário.

Em "Abismo de Paixão", o telespectador acompanha uma clássica história do tipo dramalhão, fórmula que a Televisa sempre aplicou em suas produções. Elisa (Angelique Boyer) é uma jovem que perdeu sua mãe muito cedo, e por isso sofreu muito na vida.

Em certa ocasião, seu tio tenta violentá-la sexualmente, mas ela é salva por Damião (David Zepeda), seu amigo de infância, mas por quem o destino reservou uma grande história de amor.

Polêmica com a classificação indicativa

Em sua primeira exibição, "Abismo de Paixão" foi alvo do Ministério da Justiça, por meio da classificação indicativa.

Foram diversas reclassificações, o que acabou levando o SBT a cortar várias partes da trama, para adequá-la ao horário de exibição. Primeiramente, a trama recebeu o selo de "não recomendada para 10 anos" e posteriormente, 12 anos. Mas mesmo assim, o SBT decidiu continuar exibindo-a na faixa da tarde, contrariando assim a recomendação para a faixa etária de 12 anos.

Entre os argumentos utilizados pelo órgão público para classificar a novela, está o consumo de álcool e outras drogas, além da presença de violência.

"Abismo de Paixão" estará de volta ao SBT nesta terça-feira (27), a partir das 18h45.

Siga a página Novelas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!