Uma foto de um momento íntimo de Yohana (Monique Alfradique) será utilizada durante o julgamento de Josiane (Agatha Moreira) em “A Dona do Pedaço”. A foto será utilizada pelo advogado da megera para poder provar que sua cliente sofreu uma acusação injusta pela polícia a respeito dos crimes. Tibério (Vandré Silveira) irá revelar em pleno tribunal dos sentimentos que Yohana nutre por Téo (Rainer Cadete).

A investigadora ficará muito surpresa ao ver sua foto beijando o fotógrafo sendo exposta no tribunal. Isso porque os dois vão acabar se beijando logo após sair do hospital. Yohana irá acompanhar o fotógrafo até o seu flat, alegando que teme que ele seja atacado e que ela perca a sua principal testemunha dos crimes de Josiane, visto que ele é o único sobrevivente.

Yohana é exposta em tribunal

A policial será uma das testemunhas chamadas para depor no caso de Josiane. Ela irá relatar sobre o trabalho de investigação que ela fez juntamente de Camilo (Lee Taylor) até o momento em que foi feita a prisão da megera. A prova principal de que Josiane cometeu os crimes do qual está sendo acusada é uma foto que foi tirada por Fabiana (Nathalia Dill) em que ela aparece empurrando o mordomo Jardel (Duio Botta) na frente do caminhão que o matou.

A megera mentirá novamente na maior cara de pau que não teve a intenção de matar o mordomo, sendo que na foto ela aparece claramente empurrando o rapaz para frente de um caminhão que passava na rua. Em seguida, o advogado de defesa mostra a foto em que Yohana aparece beijando Téo para poder provar que a investigadora tinha uma relação íntima com o ex-namorado da acusada.

A investigadora será questionada a respeito da foto que ela conseguiu que incrimina Josiane. Yohana então responderá que a foto foi fornecida a ela pelo fotógrafo Teodoro, uma das vítimas da vilã. A policial então relata que o celular onde a foto estava foi escondido pelo fotógrafo, e ele indicou para ela onde ele havia guardado o aparelho.

Josiane, neste momento, retrucará tudo o que foi dito pela policial, inclusive, sobre a foto como prova e o fato de ter empurrado o mordomo para a morte, e dirá que a foto não prova nada, e que ela só empurrou Jardel pois ele tentou agarrá-la. A policial em seguida retruca a patricinha dizendo que ela está mentindo.

Tibério aproveitará o momento para acusar a investigadora de estar agindo em benefício próprio, por ter sentimentos por Téo, que antes namorava Josiane, e que ela pode estar agindo desta forma por ter ciúmes da situação para poder prejudicar Josiane. O advogado da megera então acusará a investigadora de estar mentindo em seu depoimento. O julgamento de Josiane começará a partir do capítulo que vai ao ar na segunda-feira (11).

Siga a página Novelas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!