Recentemente, a mãe do apresentador Matheus Ribeiro, da Globo, precisou rebater comentários homofóbicos direcionados a seu filho. Kátia Cilene Araújo, a mãe de Matheus, foi questionada a respeito de sua posição acerca da sexualidade de seu filho.

Durante o questionamento, o autor perguntou a Kátia: "você não liga de ele ser gay?". Ela, por sua vez, apontou que não e afirmou que amava Matheus exatamente como ele é, além de destacar que o apresentador sempre foi um grande motivo de orgulho para ela.

Matheus Ribeiro é o responsável por apresentar o "Jornal Anhanguera", da TV Anhanguera, afilhada da Globo em Goiás.

Ainda no último sábado (9), o apresentador fez história ao se tornar o primeiro gay assumido a comandar a bancada do "Jornal Nacional".

Devido ao grande orgulho sentido por Kátia Araújo ao ver o filho do comando o principal telejornal brasileiro, ela mudou as suas fotos nas redes sociais para comemorar a conquista de Matheus. Na nova imagem utilizada por Kátia, seu filho aparecia juntamente como o logo do "Jornal Nacional".

Ao ver a fotografia, Luíza Alves fez o questionamento destacado anteriormente. Indo além em seu posicionamento preconceituoso, a mulher ainda perguntou a Kátia qual era a sua religião.

Após receber essa pergunta, a mãe de Matheus Ribeiro afirmou que havia aceitado o pedido de amizade da mulher sem nunca lhe fazer qualquer questionamento sobre quem ela era ou o que ela era.

Posteriormente, perguntou quais seriam os seus motivos para se sentir ofendida com a homossexualidade do filho diante de todo o orgulho que ele sempre lhe deu.

Relações pessoais com Deus

A respeito da parte da pergunta que se referia a religião, Kátia Araújo afirmou que procura seguir os preceitos do evangelho, mas fez questão de destacar que atitudes preconceituosas não estão ligadas à religião.

A mãe do apresentador apontou que o relacionamento de cada pessoa com Deus é único e pertence somente a ela. Devido a isso, ela pode pedir para que Ele abençoe os seus filhos, mas a sua crença não lhe dá o direito de emitir julgamentos ou mesmo sentenças condenatórias para eles.

Ainda respondendo ao comentário homofóbico, Kátia fez questão de pontuar que a sexualidade de Matheus não possui qualquer tipo de influência em sua vida, visto que os seus filhos são boas pessoas, que trabalham e nunca fazem nada para prejudicar ao próximo.

Devido a isso, ela considera que não possui o direito de tratá-los com crueldade em decorrência da sua sexualidade.

Após a resposta, alguns amigos de Kátia apareceram para dar apoio a ela e afirmar que Matheus Ribeiro é realmente uma ótima pessoa.

Siga a página Televisão
Seguir
Siga a página LGBT
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!