Finalmente chegou o momento da vilã Josiane (Agatha Moreira) ser julgada pelos crimes cometidos na novela "A Dona do Pedaço". O julgamento da filha de Maria da Paz (Juliana Paes) começará bem no final do capítulo do dia 9 de novembro, mas será no capítulo do dia 11 que as coisas pegarão fogo, com os depoimentos a favor e contra a moça.

A trama começará com o advogado Tibério orientando e preparando a sua cliente para o julgamento. Os primeiros a depor contra a vilã serão os investigadores Camilo (Lee Taylor) e Yohana (Monique Alfradique). Os policiais contarão tudo que descobriram sobre os crimes da vilã, e Amadeu (Marcos Palmeira) ficará preocupado ao ver como o advogado da sua filha está atuando bem para livrar Josiane da culpa de seus crimes.

A seguir, Eusébio dará um depoimento contra Jô, dizendo que a moça é capaz de tudo por dinheiro, inclusive matar, mas o senhor começará a se tapear no tribunal e a puxar os próprios cabelos. Ao ser dispensado pelo promotor, o homem jogará uma caneta no mesmo e dirá ao juiz que foi sua mão, que ultimamente tem vida própria e só faz o que quer. Tibério aproveitará para falar com o juiz que o homem demonstra um desequilíbrio mental e que por isso seu testemunho contra Jô não deve ser levado em conta e o juiz aceitará a justificativa.

Além disso, o advogado conseguirá reverter os depoimentos de Kim e de Ellen, fazendo com que os mesmos fiquem a favor de Josiane. Régis também foi convocado para depor no julgamento de Jô e confessará todos os crimes que cometeu junto da vilã, enquanto estavam juntos, mas acreditando está ajudando Maria da Paz, o rapaz amenizará seu depoimento contra a filha da sua ex-esposa.

Ele foi convencido a fazer isso pelo advogado da vilã.

Fabiana depõe e é desmascarada

O depoimento de Fabiana é um dos mais aguardados, visto que foi a ex-noviça quem tirou a foto que mostra Josiane empurrando Jardel debaixo de um caminhão. A moça combinou com o advogado de Jô que mentiria no tribunal, com a condição da vilã não denunciá-la por extorsão, por causa das chantagens que ela fez contra a mesma durante a trama.

No depoimento a vilã dirá que ficou feliz em saber que Jô era sua prima e que tinha uma família e será questionada pelo promotor sobre o fato de ter comprado a fábrica da mesma por um preço bem abaixo do que valia. Fabiana mentirá e dirá que a prima queria dinheiro vivo e que ela estava saindo da construtora e resolveu comprar a fábrica, ela ainda dirá que a empresa nem tinha capital de giro e que teve que trabalhar muito para levantar a fábrica.

Amadeu, que estará assistindo ao julgamento, gritará que a moça está mentindo e dirá que ela chantageou a filha, tirando o seu dinheiro. A ex-noviça negará, mas Amadeu dirá que existem provas, fazendo com que o promotor pressione a moça dizendo que todos sabem que ela tinha uma foto que mostrava Jô cometendo o crime contra Jardel e pergunta se ela usou a foto para fazer chantagem. Fabiana negará tudo e fingirá passar mal pelas falsas acusações e como sempre usará o discurso religioso dizendo que não mente.

O capítulo terminará com o começo do depoimento de Téo e o rapaz chamando Josiane de assassina. Enquanto isso, Chiclete se encontrará com Vivi e desconfiado das intenções de Berta e Camilo, o rapaz dará um celular para a amada, que estará com o localizador ligado.

Márcio flagrará o hacker Bernardo mexendo no computador de Fabiana e o rapaz também terá uma ideia de como unir Abel e Britney. Matilde dirá a Joana que teve uma pessoa que roubou a filha de Maria da Paz no passado, trocando-a na maternidade.

Siga a página Novelas
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!