Nos próximos capítulos de "Amor de Mãe", Camila (Jéssica Ellen) conseguirá vencer Álvaro (Irandhir Santos) para manter a escola em que trabalha aberta. A professora recebeu a ajuda de Lurdes (Regina Casé) para conseguir provas conclusivas contra o empresário. Aproveitando-se do seu cargo na casa do dono da PWA, a babá conseguiu um projeto da empresa comprovando que Álvaro já está contando com o terreno da escola para construir a nova sede.

A partir da obtenção do documento, Camila terá em mãos tudo o que precisa para fazer com que o personagem de Irandhir Santos recue na sua decisão de fechar a escola.

Em um primeiro momento, Lurdes ainda tentou fazer com que a filha desistisse da ocupação, realizada em parceria com os seus alunos. Entretanto, percebendo que Camila não recuaria de sua decisão e que Álvaro estava disposto a tudo para conseguir o que queria, a babá decidiu ajudar a filha a vencer essa guerra e roubou o documento em questão da casa do empresário.

Posteriormente, Lurdes entregou o projeto da PWA para Camila, que encaminhará as fotos para Miguel (Giulio Lopes), o pai de Davi (Vladmir Brichta), que está ajudando na causa.

Ao tomar conhecimento do documento, o advogado vai sugerir a Camila que encare Álvaro de frente em uma reunião.

Camila e Álvaro se confrontam em 'Amor de Mãe'

Durante a reunião sugerida por Miguel, a professora falará abertamente para o empresário que sabe dos seus planos de usar o terreno da escola Luiz Gama para a construção de sua nova fábrica, de forma que ele seria o principal interessado no fechamento da instituição.

Álvaro tentará se explicar e se defender da acusação de que ele usou a sua influência sobre o secretário de educação e a diretora da escola para conseguir o que queria, mas Camila não dará espaço para isso e dirá que pretende ser bem objetiva em sua conversa com ele.

Então, a professora de história dirá ao empresário que caso os planos de fechar a Luiz Gama não sejam engavetados, o documento que comprova os interesses do empresário no caso vão ser enviados para a imprensa naquele mesmo dia.

Em tom de ameaça, Camila dirá que isso poderia causar vários danos à imagem da PWA, visto que as acusações de poluir a Baía de Guanabara ainda estão pesando sobre a empresa.

Todas essas afirmações deixarão Álvaro completamente encurralado e ele será obrigado a voltar atrás na sua decisão de fechar a escola. Entretanto, o empresário ainda vai se mostrar cínico, e insistirá que a sua empresa não está por trás do fechamento da escola, mas afirmará que pretende usar todos os seus contatos com políticos para conseguir fazer com que a escola continue aberta.

De acordo com o site Notícias da TV, as cenas estão previstas para ir ao ar no dia 22 de janeiro.

Siga a página Novelas
Seguir
Siga a página Relacionamento
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!