A apresentadora Eliana, do SBT, está sendo processada pela babá Rute da Costa Amorim. Na ação trabalhista, que conta com várias reivindicações, Rute pede uma indenização total de R$ 100 mil. As informações são do colunista Ricardo Feltrin, do portal UOL.

No processo movido pela babá são pedidas algumas reivindicações em relação ao seu trabalho, inclusive o pedido do pagamento de horas extras que teriam sido feitas por ela e também o pagamento de diárias durante viagens internacionais que não teriam sido pagas da forma devida.

Além destas reivindicações, outras diárias de trabalhos durante eventos e finais de semana estão também sendo cobradas pela ex-babá da apresentadora no processo movido.

Está sendo também cobrado o plano de saúde da babá, que teria sido cortado durante um tratamento. A babá e a apresentadora, inclusive, tiveram discordância do valor que deve ser pago de indenização à Rute.

Rute reivindica direitos trabalhistas

Rute trabalhou por volta de três anos na casa da apresentadora do SBT em São Paulo. O processo movido pela babá contra Eliana agora está correndo no Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, em São Paulo. Em um primeiro momento, a defesa de Rute chegou até mesmo estimar que a ação inicialmente pediria R$ 350 mil de indenização para a apresentadora, mas reduziram o valor para R$ 100 mil, na esperança de que fosse feito um acordo com a apresentadora, algo que acabou não acontecendo até o presente momento, visto que as partes não chegaram a um denominador comum.

No entanto, por mais que o valor tenha sido reduzido pela defesa de Rute, o advogado de Eliana ainda não aceitou o valor de R$ 100 mil e o recusou, fazendo uma contraoferta de R$ 40 mil. O valor apresentado pela defesa da apresentadora foi rejeitado pela defesa e pela babá. O próprio juiz do caso tentou intermediar para conseguir chegar a uma acordo quanto ao valor pedido, e sugeriu que fosse pedido R$ 80 mil, mas o valor também não foi aceito por Rute e por sua defesa.

Devido a isso, a ação contra a apresentadora agora deve continuar, e não há nenhuma previsão de quando acontecerá o desfecho da situação.

Rute ainda afirmou que trabalhava das 8h às 18h, e contava com uma hora diária para o seu almoço e descanso. No entanto, ao se apresentar para o juiz, a babá chegou a declarar que chegava antes das 7h e saía depois das 22h do local de trabalho.

Ela também chegou a comentar dos trabalhos que fazia para a apresentadora fora do seu expediente, e apresentou outras queixas em relação a Eliana.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!