Na última terça-feira (28), o brother Victor Hugo Teixeira, da 20ª edição do "Big Brother Brasil", acabou sendo vítima de homofobia da parte de Felipe Prior, Lucas Gallina, Hadson Nery e Lucas Chumbo.

Na ocasião em que tudo aconteceu, os quatro se uniram para insinuar que Victor seria gay e um deles chegou a ponto de fazer a sugestão de que o participante tocasse as suas partes íntimas – ou mesmo a de algum dos outros homens da casa. É válido lembrar que Victor Hugo se identifica como assexual e ainda é virgem.

Chamando o brother com um pronome feminino, Gallina pediu a Felipe Prior para que “abraçasse essa gatinha”, referindo-se a Victor.

A fala do participante acabou por fazer com que os outros integrantes do quarteto dessem risada, menos Felipe, que se mostrou ainda mais homofóbico que os demais ao afirmar que Lucas deveria parar com essas brincadeiras sem graça, porque ele é “corinthiano”.

A partir disso, Felipe deixou a cama em que estava e, novamente, Lucas Gallina voltou a fazer “piadas” de cunho homofóbico, afirmando que o arquiteto deveria voltar para lá e ficar ao lado de Victor Hugo. Nesse ponto da “conversa”, o participante foi chamado de “veado”, em tom pejorativo, pelos demais.

Entretanto, Victor pareceu não se importar muito com as atitudes dos companheiros de confinamento e deu um abraço em Felipe quando ele decidiu voltar à cama em que estava.

Devido a isso, Hadson começou a gritar e simular uivos dentro do quarto.

Além disso, a imaturidade do participante foi tanta que ele chegou ao ponto de insinuar que Prior estava excitado por ter se deitado ao lado de Victor Hugo e disse ao brother que ele deveria aproveitar porque “estava duro”.

Pyong Lee não participa de 'brincadeira' no 'BBB20'

Além dos cinco participantes citados até o momento, Pyong Lee também estava no quarto quando tudo aconteceu. Entretanto, ele não quis participar da “brincadeira” sobre a sexualidade de Victor Hugo.

O participante apenas apagou as luzes do local e pediu aos demais que tivessem respeito com Victor.

Entretanto, o pedido do hipnólogo adiantou de pouco, já que quando as luzes foram novamente acessas, Felipe Prior estava fora da cama e as “piadas” continuavam sendo feitas pelos demais participantes.

Depois de todas essas provocações, Hadson decidiu aconselhar Felipe a não fazer mais brincadeiras de cunho sexual com a situação, visto que Victor Hugo ainda é virgem. Vale destacar que essa informação foi confirmada pelo próprio brother em momentos anteriores da 20ª edição do BBB. Ao saberem a respeito do fato, algumas pessoas chegaram a rir de Victor Hugo.

Os fatos destacados já estão repercutindo nas redes sociais e as pessoas que ficaram responsáveis pelas redes de Victor, enquanto ele estiver confinado compartilharam o vídeo do momento descrito e exigiram que ele seja respeitado, assim como a sua orientação sexual.

Não perca a nossa página no Facebook!