Segundo informações do site Na Telinha, a novela "Amor de Mãe" mostra um clima tenso nos bastidores desde a sua estreia no final de novembro. A pressão por audiência na Rede Globo é conhecida e o mal desempenho da trama até o momento faz com que as coisas comecem a ficar estressantes. Alguns atores e atrizes têm reclamado do tempo excessivo que ficam no estúdio ou nas externas para gravar - o que já chegou em três horas numa ocasião, o que atrasa outros compromissos profissionais dessa gente famosa, conforme apurou o site Na Telinha.

A explicação dos atrasos em parte é uma questão técnica por escolha do diretor artístico José Luiz Villamarim, ainda segundo o site. Ele trabalha com apenas duas câmeras, um estilo que se aproxima mais do adotado no cinema. Mas em Novelas da Globo [VIDEO], o padrão é usar quatro câmeras em ângulos diferentes, o que facilita e oferece mais opões na hora da edição e termina as cenas mais rapidamente.

Mas esse não é o único problema. Outra questão seria a falta de oportunidades de mais gente aparecer nas gravações.

O casting da novela tem gente muito boa e famosa que está aparecendo pouco. Nenhum ator ou atriz de primeira linha gosta de ficar meio de escanteio. O clima fica pesado. Até porque, gente famosa reclama que pessoal novato está gravando mais. Primeiro escalão não é figurante, insinuam.

Estúdio é o mais moderno

Por enquanto, ninguém culpa abertamente a autora Manuela Dias, estreante em novelas. Novo estúdio e novas orientações técnicas geraram mudanças que a equipe artística parece não ter absorvido bem.

O MG4 (Módulo de Gravação 4) é um novo estúdio da Globo que está produzindo a novela. E está no fogo cruzado. Esse estúdio foi um dos três inaugurados pela emissora no ano passado na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Cada um desses novos espaços tem 1,5 mil metros quadrados e são equipados com equipamentos de última geração altamente sofisticados. O MG4 tem várias áreas externas permitindo gravações mais realistas.

Parecia o cenário perfeito para que tudo desse certo. Foi um investimento de R$ 200 milhões e demorou cinco anos entre o projeto e a entrega. É agora o maior complexo de produção da América Latina.

Caiu no Ibope

O terceiro provável problema do clima tenso é a questão de audiência, fator sério para a líder Globo. Ao completar 30 capítulos no início de janeiro, a novela marca o pior desempenho entre os outros títulos dos últimos três anos da emissora no horário nobre das 21h, segundo o Ibope.

Siga as suas paixões.
Fique atualizado.

"Amor de Mãe" estaria com 28,23 pontos nos 30 capítulos, um pouco superior a "Lei do Amor", que estreou em 2016 e registrou 25,90 pontos nessa mesma etapa, número considerado baixo. "Amor de Mãe" está 3,6 pontos abaixo da antecessora "A Dona do Pedaço", nessa mesma referência de capítulos. Isso significa queda de 12%. Na conta, são 700 mil expectadores a menos, em média.

Não perca a nossa página no Facebook!