Durante o último domingo (16), mais uma confusão aconteceu na casa do "Big Brother Brasil 20". Novamente, os protagonistas foram Felipe Prior e Daniel Lenhardt, que já haviam discutido anteriormente por conta da comida da Xepa.

Na ocasião destacada, o arquiteto estava sentado na varada com Lucas Gallina, e os demais confinados estavam tomando banho de piscina para se refrescarem do calor carioca. Em um determinado momento, a advogada Gizelly Bichalho passou pelos três e Daniel fez um comentário bastante infeliz sobre o biquíni da sister.

É válido destacar que Daniel disse "tem uma banana lá embaixo" ao ver o traje de banho da advogada.

Ao escutar o comentário em questão, Felipe afirmou que caso ele tivesse sido o autor da “piadinha”, seria crucificado pelos demais, especialmente pelas outras mulheres do confinamento. Entretanto, como Daniel está envolvido com Marcela, ele tem carta branca para falar essas coisas sem que ninguém se volte contra ele.

Nesse ponto, Lucas decidiu intervir na situação e afirmou que ele perguntaria para Marcela se um comentário como esse era algo bem visto por mulheres. O fisioterapeuta ainda afirmou que era bizarro alguém dizer isso na cara de outra pessoa. Então, Felipe destacou que faltava justiça na forma como as sisters convivem com os homens da casa.

Ainda nessa ocasião, Lucas destacou a existência de “dois pesos, duas medidas”.

De acordo com ele, sequer vale a pena perder tempo com isso, já que somente ele é julgado por ser machista, mas quando isso parte de Daniel, não causa nenhum tipo de revolta. Felipe, por sua vez, afirmou que, para ele, o comentário de Daniel foi muito pior do que qualquer coisa que ele já tenha dito no confinamento.

Alguns internautas, mesmo aqueles que se opõe ao comportamento de Lucas e Felipe dentro do confinamento, acabaram concordando com os dois sobre o teor do comentário de Daniel e se indignando com a falta de reação por parte das mulheres da casa.

Daniel e Lucas brigam por comida na Xepa

A grande estrela de todas as confusões desse final de semana no "BBB20" foi a comida.

Tudo começou depois que Lucas Galina decidiu não dar estalecas para a compra da semana, ainda que ele tivesse mais de 1800. Essa decisão causou revolta nos demais, especialmente pelo fato de que ele continuaria comendo.

Entretanto, o fisioterapeuta explicou que fez isso por causa do comportamento de Daniel. De acordo com ele, o modelo está sempre perdendo estalecas simplesmente por não seguir as regras e nunca tem o suficiente para contribuir com a compra, sempre precisando ter a sua parte coberta pelos demais. Entretanto, dessa vez, Lucas alegou que não ajudaria a compensar a parte dele, especialmente porque Daniel tinha somente 70 estalecas e sugeriu que todos os membros da Xepa doassem tudo o que possuíam para as compras.

Não perca a nossa página no Facebook!