O "BBB20" está em suas primeiras semanas, mas já está cheio de polêmicas. Um dos acontecimentos mais comentados na web foi o do plano dos meninos do grupo Pipoca para queimar a imagem das mulheres do grupo Camarote que são comprometidas fora da casa. Após Marcela, Giselly e Thelma contarem para as meninas qual era a estratégia dos rapazes para queimá-las com o público, elas quiseram ir tirar satisfação com os envolvidos no boato, Hadson, Lucas e Felipe.

Depois de toda a confusão, Bianca Andrade (Boca Rosa) não quis se aliar às mulheres, ela conversou com o amigo de confinamento Guilherme, e disse que as meninas disseram que ela deveria ficar do lado delas, mas que ela não era assim, queria saber a versão dos meninos também e não acreditava que eles estavam sendo falsos assim.

Acrescentou que as moças fizeram uma confusão, falando sobre feminismo, girl power e chamaram Hadson de machista, e que essa era uma acusação grave no ponto de vista dela.

Algo que irritou bastante os internautas foi o fato da morena já ter ganhado um prêmio de "Girl Power" em 2017, pela revista Capricho, e se vender como feminista em postagens e vídeos na internet. Ela chegou a virar um dos assuntos mais comentados do Twitter por essa situação, onde subiram a hashtag “FORA BOCA ROSA”, os telespectadores realmente ficaram chateados com o posicionamento dela, por mais que ela não saiba de tudo que está acontecendo dentro da casa.

Essa não é a primeira vez que ela é criticada nas redes sociais, há 3 anos atrás a blogueira soltou sem querer que já havia feito "Lipo", sendo que para suas seguidoras ela mantinha o corpo e emagrecia apenas com exercícios e dieta.

Um outro acontecimento com uma noiva que contratou Bianca para fazer sua maquiagem de casamento também repercutiu na web, pois a famosa não compareceu no dia marcado e teve que pagar R$ 15 mil de indenização para a mulher após um acordo.

Cleo Pires tenta explicar posicionamento de Bianca Andrade

Após toda revolta nas redes sociais pelo posicionamento de Bianca na casa, Cleo Pires resolveu se pronunciar e gravou um vídeo explicando que já esteve na pele da blogueira, que já foi a oprimida que ficava ao lado do opressor, e que isso já aconteceu muitas vezes com ela.

"Ela pode estar passando pano e pode não estar entendendo um monte de coisa, mas é uma oprimida que fica ao lado do opressor", disse Cleo.

Disse que a moça pode estar passando pano, mas não deve estar entendendo um monte de coisa na casa, que as vezes ela nem sabe que está do lado do opressor, isso tudo para não se sentir de fato a oprimida. Continuou dizendo que é péssimo se sentir a vítima, não é bom estar do lado do oprimido, o indivíduo se sente fraco.

A atriz concluiu o vídeo falando que espera que as meninas, Manu, Giselly e Marcela consigam fazer ela entender o quão importante é uma mulher escolher o lado da outra nesses casos e não ficar em cima do muro.

Não perca a nossa página no Facebook!