João Augusto, de 18 anos, e as gêmeas Marina e Sofia, de 15, divulgaram uma carta no último domingo (9) na qual falaram sobre a briga judicial envolvendo a mãe, Rose Miriam Di Matteo, e a família de seu pai, Gugu Liberato, que morreu em novembro passado, vítima de um acidente doméstico.

Tal carta foi escrita pelos três filhos de Gugu como uma espécie de resposta à entrevista concedida por Rose Miriam ao "Fantástico", da Rede Globo. Na entrevista, a médica diz que gostaria que todas as pessoas que disserem que ela e Gugu não eram uma família entendessem que estão cometendo um erro grave. Rose afirma ter sido muito feliz com o apresentador durante 20 anos de relação, e diz que, claro, o casal passou por altos e baixos.

“Como qualquer casal”, salientou.

Carta dos filhos

Através da carta divulgada no domingo (9), os filhos da médica dizem que ela está “envolvida em uma teia” e afirmam torcer para que Rose deixe de ser influenciada por terceiros. Para dar início à carta, assinada por João Augusto, Marina e Sofia, junto com o advogado da família de Gugu Liberato, explicam que decidiram enviar tal carta à direção do "Fantástico" após saber que a mãe daria um depoimento ao programa global.

A carta afirma que os filhos de Gugu não compactuam com o “espetáculo” que está tentando, segundo eles, transformar a mentira em verdade, para assim desvirtuar os verdadeiros desejos de Gugu Liberato. O comunicado ainda afirma que os filhos respeitam Rose Miriam, mas acham que ela deveria estar ao lado deles, e não contra.

Rose influenciada por terceiros

Segundo a carta, os filhos de Rose Miriam di Matteo dizem acreditar que a mãe, mais cedo ou mais tarde, deixará de ser influenciada por terceiros que estão, segundo eles, querendo se aproveitar, induzindo a mesma a negar fatos e a se expor em uma situação vulnerável “para impressionar desavisados”.

Eles alegam ainda que ninguém tem o direito de desrespeitar Gugu Liberato, ou distorcer a vida que levaram com o pai durante toda sua existência.

Os filhos de Liberato ainda ressaltam terem orgulho da conduta do pai e de tudo que o mesmo construiu. “Seguiremos em frente, sem ele”, contam no comunicado, que termina ressaltando: “mas dentro dos seus ensinamentos”.

Antes de terminar o comunicado, os defensores da família Liberato alegam que os três filhos do apresentador entendem que nem a mãe e nem seus defensores estão autorizados a se apropriar da imagem de Gugu Liberato, afrontando a sua vontade judicialmente, desrespeitando assim o testamento deixado e assinado por ele.

Morte de Gugu Liberato

Um dos apresentadores mais Famosos do Brasil, Gugu Liberato morreu no fim de novembro de 2019, vítima de um acidente doméstico em sua casa nos Estados Unidos. Um mês depois, em dezembro, Rose Miriam Di Matteo acionou a Justiça para pedir o reconhecimento de sua união estável com Liberato. Entretanto, vale ressaltar que Gugu Liberato não mencionou a médica em seu testamento, que foi assinado em 2011.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!