O ator e comediante Jim Carrey, conhecido por atuar em filmes como "Ace Ventura", "O Máscara", "Todo Poderoso", "Debi e Loide", está sendo acusado por internautas de ter assediado uma repórter através de uma cantada em uma entrevista.

A entrevista em questão fazia parte da divulgação do longa "Sonic: O Filme", no qual o ator faz o vilão, Dr. Robotnik. Ele fez um comentário infeliz para a moça, a jornalista Charlotte Long, da revista inglesa Heat.

Jim Carrey é criticado na web

No momento do ocorrido, a mulher perguntou o que faltava na lista de desejos dele, e ele respondeu com uma cantada, que era só ela, só isso que faltava, todo o resto já havia sido feito.

Ela não ficou muito confortável com a situação, e alguns internautas opinaram na web dizendo que isso poderia muito bem ser interpretado como um assédio.

A moça continuou a entrevista, mas sem graça disse que não sabia o que dizer em relação ao que tinha escutado. Ele retrucou dizendo para ela apenas aceitar. A jornalista tentou então mudar o assunto e perguntou qual foi a maior realização do comediante em sua vida.

Depois de algum tempo, ele disse que o que havia escrito que gostaria de ganhar, que seriam US$ 10 milhões, já tinha acontecido. A mulher brincou que anotar o que desejava não estava dando certo, pois continuava sem tanto dinheiro. Carrey acabou chamando a jornalista de preguiçosa ao responder que tem que trabalhar muito, e talvez essa seja a diferença entre os que conseguem alcançar o que desejam e os que não conseguem, dando a entender que ela não estava trabalhando tanto assim.

Ela não levou tão a sério o que ele disse e respondeu que sua mãe concordaria com ele. Após a entrevista, muitas pessoas comentaram que o ator havia desrespeitado a profissional, outros disseram que eram apenas piadas.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!