Nessa terça-feira (4), o juiz da 9ª Vara da Família e Sucessões, localizada na cidade de São Paulo, negou um pedido de Nelson Williams, advogado responsável pela defesa de Rose Miriam, a esposa de Gugu Liberato.

O pedido em questão era referente à pensão que Rose pretendia receber da família do comunicador, visto que foi cortada do testamento deixado pelo companheiro, cuja fortuna foi dividida entre seus filhos (75% do patrimônio) e sobrinhos (25%).

De acordo com informações do Catraca Livre, Wiliams entrou com um pedido judicial solicitando que o valor de R$ 100 mil fosse pago mensalmente à sua cliente, por meio de depósito efetuado diretamente na conta correte de Rose.

Entretanto, o pedido em questão foi negado por José Walter Cardoso, o magistrado responsável pela avaliação dessa solicitação. Segundo informações de Lauro Jardim, do jornal O Globo, o motivo para que o juiz tenha negado o pedido da viúva de Gugu está ligado ao fato de que a “gestão do dinheiro” por advogados não é algo passível de justificativa.

Ao comentar a respeito da negativa com o site Notícias da TV, Nelson Willians chegou a pontuar que Rose Miriam está em sérias dificuldades financeiras após o falecimento de Gugu Liberato e, atualmente, vive por meio de empréstimos.

O advogado ainda afirmou ao site em questão que ele é o responsável por conseguir dinheiro para a sua cliente sempre que ela precisa.

Nelson também relatou ao Notícias da TV que quando Rose Miriam veio para o Brasil, ainda no mês de dezembro, ela sequer tinha dinheiro para retornar aos Estados Unidos e, atualmente, essa situação está ainda pior e a sua cliente sequer tem o suficiente para ir a um restaurante.

Ainda que Rose esteja sem dinheiro no presente momento, é válido destacar que a médica possui uma mansão em seu nome.

O imóvel em questão foi transferido para ela por Gugu, ainda no ano de 2012. A casa de luxo se localiza no bairro Alphaville, região nobre de São Paulo, e está avaliada entre R$ 4 e R$ 6 milhões.

Atualmente, Rose não está ocupando a casa em questão, visto que continua morando em Orlando com os seus três filhos.

Dessa forma, ela poderia fazer com que a mansão virasse uma fonte de renda para a família.

Mais informações sobre o caso

É possível afirmar que Gugu Liberato faleceu ainda em novembro de 2019. Após o seu falecimento, Rose deu entrada na Justiça a um pedido para que a união estável dos dois fosse reconhecida, visto que eles não eram oficialmente casados. Dessa forma, ela teria direito à herança deixada por Gugu.

Segundo Nelson Wiliams, a abertura do testamento já havia ocorrido nesse ponto. Entretanto, Rose e suas filhas não possuíam informações a respeito disso. O advogado ainda afirmou que representa legalmente Sofia e Marina, as filhas menores de idade de Gugu Liberato.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!