Morreu na madrugada desta segunda-feira (22), após 22 dias internado, o cantor sertanejo Henrique, que fazia dupla com Netto. Ele havia sofrido um acidente no dia 8 de fevereiro, na cidade de Santa Fé do Sul, interior de SP, quando voltava de um show, e estava internado no Hospital de Base de São José do Rio Preto.

De acordo com informações passadas pela funerária, o corpo do artista, de 22 anos de idade, deverá chegar a Fernandópolis, local onde será velado, por volta das 13h. Às 19h haverá um translado até a cidade de Santa Salete, onde haverá novo velório e o sepultamento, marcado para terça-feira (3).

O cantor havia sofrido traumatismo craniano e escoriações pelo corpo. Ele ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e em determinado momento chegou até a apresentar melhora e teve a sedação retirada, mas seu quadro regrediu e ele acabou falecendo.

A assessoria de imprensa da dupla sertaneja emitiu uma nota, onde lamentou o falecimento do artista e disse que ele “lutou bravamente por sua vida” e que ele Henrique e seu parceiro Netto “estavam vendo o sonho de viver da Música bem pertinho”.

O acidente ocorreu em 8 de fevereiro

O cantor dirigia seu carro seguia pela Avenida Navarro de Andrade na madrugada de 8 de fevereiro quando bateu na traseira de uma caminhonete que aguardava a abertura do sinal.

O choque entre os veículos provocou um incêndio e o condutor da caminhonete saiu sem ferimentos, mas o artista ficou desacordado ao volante.

Policiais militares que faziam patrulhamento nas imediações ajudaram a resgatar o cantor. Com traumatismo craniano e múltiplas escoriações pela fase levado até a Santa Casa de Santa Fé do Sul, onde recebeu os primeiros atendimentos.

Posteriormente transferido para o Hospital de Base de Rio Preto, onde seguiu internado.

Dupla iniciava promissora carreira

A dupla Netto e Henrique, oriunda no interior de São Paulo, estava começando a iniciar uma trajetória de sucesso. Dias antes do acidente, em 17 de janeiro, eles haviam lançando no YouTube o clipe da canção “Forçar da Barra”, que até o momento teve mais de 3 milhões de visualizações no canal oficial dos artistas.

Uma semana depois, a canção começou a ser executada nas rádios, fato que foi celebrado por eles através de uma postagem nas redes sociais.

Por meio das redes sociais, produtores e cantores lamentaram o falecimento precoce do artista. “Que isso, meu caro, logo agora que estava dando tudo certo”, postou o cantor sertanejo César Menotti. “Uma perda precoce da música sertaneja. Descansa em paz companheiro”, postou Giovani, que faz dupla com Gian.

O cantor Netto, que fazia dupla com Henrique, desde o dia do acidente, não se manifestou.

Siga a página Música
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!