A festa do líder desta semana foi regada a muita discussão entre os brothers. Ao longo da madrugada desta quinta-feira (26) em uma longa discussão com Gizelly, Prior acusou a advogada de ter uma amizade falsa com Pyong, e de ter fingido ser amiga do youtuber enquanto o que ela desejava de fato é que ele fosse eliminado do programa.

Isso tudo porque o arquiteto alega que ouviu uma conversa que Gizelly teve com outra pessoa do confinamento quando ela falou a respeito da visão que tinha sobre o hipnólogo ter saído do programa.

A sister, na conversa, segundo Prior, havia dito que Pyong era rico fora do confinamento, e não precisava ganhar o prêmio do reality show.

Prior fica revoltado com Gizelly

O arquiteto, revoltado com a situação, relembrou que ouviu a sister falando que Rafa e Pyong eram ricos, e que o hipnólogo não precisava do dinheiro do programa pois ele ganha muitos milhões fora do confinamento.

Além disso, o brother ainda aproveitou para dar uma lição de moral na sister quanto à situação que ele acredita que seja errada.

Prior cobrou que Gizelly ganhasse o prêmio do programa por mérito próprio, e não por demérito das pessoas que estão junto com ela no confinamento, e ainda deixou claro que todas as pessoas que entraram no programa estão lá porque precisam do prêmio, e também porque querem vencer.

Gizelly se defende

No entanto, Gizelly se defendeu revoltada com o que foi dito pelo arquiteto e esclareceu que nunca havia dito o que ele estava relembrando com maldade.

A advogada se defendeu, afirmando que não havia dito no sentido que Prior estava contando, e o que ela quis dizer era apenas que ele não precisa de dinheiro, e nem mesmo Rafa e Manu, que já são famosos.

Isso porque, segundo a sister, Pyong saindo do confinamento não teria problemas financeiros, pois tem dinheiro fora do programa e que ele ficaria bem ao sair do reality, porque ele não iria passar nenhum tipo de necessidade igual algumas pessoas que estão lá, ao saírem de mãos vazias, podem acabar passando.

Mais tarde, a sister desabafou com as amigas a respeito da situação, e explicou de novo que a sua visão a respeito de Pyong era por questão de necessidade, que ele iria sair e ficaria bem, e que eles não precisavam preocupar com ele fora do confinamento o que ele iria fazer para poder se manter bem.

No entanto, Thelma não concordou com o posicionamento da sister e questionou falando que todos os participantes que aceitaram estar no programa estão lá pois precisam de R$ 1,5 milhão de alguma forma, e que não vê as coisas como a advogada vê. Além disso, Thelma ainda ressaltou que o programa não tem nada a ver com quanto as pessoas recebem fora do confinamento.

Não perca a nossa página no Facebook!