O novo coronavírus trouxe um novo cenário para as relações humanas ao redor do mundo inteiro. Para evitar a propagação do vírus, muitos países instituíram um período de quarentena, pedindo que as pessoas evitem sair de casa e assim não transmitem a doença, principalmente para os grupos de risco, que são as pessoas idosas e aqueles que já possuem alguma doença crônica.

Além de ficar em casa para evitar a disseminação do vírus, muitos famosos estão fazendo muito mais para ajudar ao combate da doença e doando altos valores monetários para que os profissionais de saúde e hospitais tenham mais condições de atender os contaminados pelo vírus.

Messi doa para hospital de Barcelona e Argentina

O grande jogador Lionel Messi, camisa 10 do Barcelona, resolveu agir para ajudar no combate ao coronavírus na Argentina, sua terra natal, e em Barcelona. O atleta doou 1 milhão de euros, o equivalente a 5,4 milhões de reais, para que instituições dos dois países possam comprar suprimentos médicos para usar no combate à covid-19 e também para ajudar nas pesquisas para que seja encontrada uma vacina contra a doença.

O valor doado por Messi será dividido entre os Hospital Clinic, que fica em Barcelona, e para outra unidade hospitalar localizada na Argentina. O próprio hospital de Barcelona compartilhou a notícia em seu Twitter. Eles agradeceram o compromisso e apoio do atleta.

Segundo o hospital, o dinheiro doado pelo jogador será usado, entre outras coisas, para a investigação da doença e para a compra de equipamentos de respiração assistida, que atenderá os pacientes que se encontram em estado mais grave.

Cristiano Ronaldo faz doação para hospitais

Lionel Messi e Cristiano Ronaldo sempre foram grandes rivais em campo, um defendendo o Barcelona e o outro o Real Madri, mas o que não se pode negar é que em tempos de coronavírus, os dois jogadores estão jogando no mesmo time, que é o de ajudar no combate ao covid-19.

Assim como Messi, Cristiano Ronaldo também resolveu fazer uma grande doação em dinheiro para ajudar Portugal a combater o coronavírus. Cristiano e seu empresário, Jorge Mendes, doarão 4 milhões de euros, o equivalente a quase 22 milhões de reais, para quatro hospitais de Portugal. O dinheiro será usado para equipar quatro Unidades de Terapia Intensiva, que são usadas pelos pacientes que se encontram em estado mais grave.

Pep Guardiola faz doação no mesmo valor de Messi

Pep Guardiola, que já técnico do Barcelona, time de Lionel Messi, e que hoje em dia conduz o Manchester City, entrou na luta contra o covid-19 e assim como o seu antigo jogador e como Cristiano Ronaldo, resolveu fazer uma doação em dinheiro para ajudar na contenção da doença.

Guardiola doou um milhão de euros para o Colégio Oficial de Médicos de Barcelona. Tentando ajudar no atendimento aos infectados pelo covid-19, o time de Messi, o Barcelona, colocou as suas instalações à disposição do governo da Catalunha, um dos locais mais afetados pelo vírus na Espanha.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Futebol
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!