Rafael Ilha, ex-integrante do grupo musical Polegar, entrou em mais uma confusão pelas redes sociais. Após alfinetar o apresentador Dudu Camargo em um episódio em que ele se envolveu com a amiga Simony, o vencedor do "A Fazenda 10" entrou em outra polêmica pelo mundo da internet. Desta vez, ele foi acusado de discriminação, por gordofobia, contra uma costureira que reside na cidade de Caxias do Sul, que diz ter recebido uma mensagem privada do cantor de forma irônica. As informações foram dadas pela colunista do jornal O Dia Fábia Oliveira.

Postagem de Rafael Ilha

Tudo teve início quando Rafael Ilha foi até uma de suas redes sociais, e publicou uma opinião sua sobre o isolamento social promovido pelo novo coronavírus (COVID-19).

Na mensagem, o cantor e apresentador revelou que, em sua opinião, o clima criado pela propagação do vírus pelo Brasil era considerado como "alarmista" e defendeu que a população brasileira deveria retomar a sua rotina normal, para que a ordem no Brasil seja mantida.

A costureira Patrícia Córdova, que segue Rafael há mais ou menos dois anos, respondeu à postagem dizendo que não concordava com a opinião dele e defendeu que as pessoas deveriam, sim, manter-se isoladas para minimização da expansão do vírus.

O apresentador ainda comentou a resposta da costureira no Instagram e revelou que, mesmo não concordando com as opiniões contrárias, ele próprio mantinha-se em regime de confinamento.

Rafael Ilha envia mensagem privada

A costureira Patrícia Córdova assustou quando recebeu uma mensagem privada do cantor, do qual ela considerava "preconceituosa" e "grosseira".

Segundo ela, o vencedor do Reality "A Fazenda 10" disse que ela deveria procurar a ajuda de sua mulher (Aline Kezh) para que ela tratasse da sua obesidade mórbida: "Disse que eu deveria buscar ajuda da mulher dele, a Aline Kezh, para cuidar da uma obesidade mórbida e ainda sugeriu que eu deveria procurar algo obsceno e me chamou de 'infeliz'", disse.

Revolta da fã

Ao terminar de ler a mensagem, a costureira teve um sentimento de indignação e revelou que não conseguia imaginar, como uma pessoa acusava a outra sem a conhecê-la pessoalmente: "Ele me chamou de gorda, sim, baseado em quê? Ela continuou disparando se o julgamento era pelas suas fotos e, mesmo que ela fosse obesa, que ele não tinha nada a ver com o fato.

Ela finalizou falando que ele não podia mandá-la procurar as partes íntimas de uma homem assim, do nada. Patrícia revelou-se muito decepcionada com o agora ex-ídolo e que decidiu expor a situação para que todos conhecessem o outro lado de Rafael Ilha.

Colunista foi bloqueada por Rafael Ilha

Toda essa história foi contada pela colunista Fábia Oliveira, do jornal "O Dia". Essa mesma repórter tentou entrar em contato com o cantor e teve uma resposta bastante "seca". Ele disse que não conhecia a costureira que o acusava e nem a colunista que o procurara e despediu-se dizendo que o seu whatsapp era para uso restrito do seu trabalho a para a sua família. Após enviar a mensagem, a colunista Fábia Oliveira disse que foi bloqueada por Rafael.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!