Marcelo Cosme, jornalista e apresentador da GloboNews, foi xingado por populares na manhã desta terça-feira (7), na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. Moradores do município perseguiram o jornalista após reconhecê-lo e acusaram o profissional de não cumprir a recomendação de isolamento passada pelos profissionais da Saúde para combater o novo coronavírus.

Nas imagens que viralizaram na web, um dos populares que abordou o jornalista chegou a se identificar como Alexandre Monteiro e acusa o apresentador de ser hipócrita por permanecer realizando exercícios nas ruas.

Ao receber as primeiras críticas, Marcelo ficou calado, mas logo depois o jornalista decidiu responder os populares.

Cosme pede para que as pessoas lhe respeitassem e, logo em seguida questiona: “posso te dizer? Eu não sou grupo de risco”. Após responder, o jornalista deixou o telespectador sozinho e retomou seus exercícios.

O jornalista e apresentador Marcelo Cosme comanda há cerca de um ano o “GloboNews em Pauta”, mas também costuma cobrir férias dos apresentadores do “Jornal Hoje” e do “Hora 1” na Rede Globo.

Apresentadora infectada incomoda vizinhos

Marcelo Cosme não é o único famoso que acabou irritando populares devido à pandemia do novo coronavírus. Depois de testar positivo para COVID-19, Mariana Ferrão, ex-apresentadora do “Bem Estar”, da Rede Globo, revoltou seus vizinhos em um condomínio de luxo do interior de São Paulo.

O assunto começou a circular através de um grupo de WhatsApp de moradores do condomínio, e tudo piorou após alguns deles verem a famosa fazendo uma caminhada pelas ruas do condomínio de luxo. Com isso, moradores acionaram os seguranças do local, que abordaram Mariana Ferrão e pediram que a mesma permanecesse isolada em sua residência.

Mariana Ferrão se pronuncia

Após a repercussão desta notícia, Mariana Ferrão se pronunciou sobre o assunto para o site UOL na quarta-feira (25), onde confirmou ter realizado uma caminhada pelas ruas de seu condomínio. No entanto, a famosa ressalta que até aquele momento ainda não havia nenhuma recomendação proibindo caminhadas ao ar livre, e conta não ter se aproximado de ninguém e nem tocado em nada da área em comum.

Mariana ressalta ainda que até no momento que acabou sendo abordada pelo segurança, permaneceu a uma distância do profissional, seguindo assim, uma das recomendações passadas pelos profissionais de Saúde. Depois do ocorrido, Ferrão, de 41 anos, deixou o condomínio e voltou para a grande São Paulo.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!